“Tenho 15 anos na profissão e nunca vi nada semelhante”, diz apresentador da emissora onde jornalista foi agredido

Candidato a prefeito de Anápolis pelo PSL, Valeriano Abreu, agrediu o produtor Weber Witt, do programa Observatório, da Rádio 96 FM

Apresentadores da rádio 96 FM, pertencente à Fundação Frei João Batista Vogel, comentaram a agressão ocorrida contra o produtor Weber Witt nesta quarta-feira, 14.

Inconformado com questionamentos feitos durante o programa Observatório, o candidato a prefeito de Anápolis pelo PSL, Valeriano Abreu, atacou o profissional da emissora.

“Tudo muito lamentável. Tenho 15 anos na profissão e nunca vi nada semelhante. Eu acho que quando fazemos questionamentos muitas vezes eles podem ser inconveniente para a pessoas, para o candidato e para nós mesmos, ninguém está imune a nada” disse o locutor Fernando Dias.

“Quando a gente faz os questionamentos ou recebemos os questionamentos, é nosso dever nos calarmos ou darmos as respostas. Essas respostas têm que ser através da argumentação, das palavras” acrescentou Dias.

Rogério Fernandes, também apresentador na rádio, acrescentou que, ainda que a pergunta seja “espinhosa”, é a oportunidade do candidato esclarecer a situação. Fernandes ainda lamentou a agressão, fato que vem ocorrendo de diversas formas pelo mundo. “Entramos para as estatísticas, jornalistas sendo agredidos aqui na cidade de Anápolis” afirmou o apresentador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.