Mencionado em disputa a vice, Márcio Cândido diz que “única dificuldade é negociação com PSD”

Vice-prefeito de Anápolis informou que pretende se reunir com Vilmar ainda nesta semana para avaliar a questão e a menção ao seu nome

Reprodução

Mencionado para disputar a vaga a vice na chapa do governador José Eliton (PSDB), o vice-prefeito de Anápolis, Márcio Cândido, do PSD, afirma que a única dificuldade para articulação está na negociação com a própria liderança do partido.

Márcio foi mencionado na disputa por Jovair Arantes, do PTB, durante reunião na última terça-feira (17) com integrantes da chapa governista.

“Dentro do PTB e dentro dos partidos que compõem a base não há dificuldade, depende da negociação com o PSD”, afirma.

Segundo ele, a prioridade no partido é ainda fazer o presidente da sigla no Estado, Vilmar Rocha, candidato ao Senado na chapa governista, o que, a essa altura do campeonato, é absolutamente inviável.

Márcio informou que pretende se reunir com Vilmar ainda nesta semana para avaliar a questão e a menção ao seu nome.

Dentro do PSD, o deputado federal Thiago Peixoto também é cotado para a disputa à vice. Em entrevista ao Jornal Opção nesta quarta, o pessedista alegou, entretanto, que trabalha, antes de qualquer coisa, para que o partido permaneça na base.

Questionado sobre a indicação de Thiago, o vice-prefeito de Anápolis afirma que o parlamentar é um excelente nome, mas defende o próprio passe, dizendo que agradaria o colégio eleitoral anapolino, o terceiro maior do Estado.

Deixe um comentário