Marconi diz que medidas de Temer são “corajosas” e vão recolocar “economia nos eixos”

Governador de Goiás discursou durante solenidade de lançamento de programa habitacional inspirado em política pública goiana

Presidente Michel Temer durante cerimônia de lançamento do Cartão Reforma | Foto: Beto Barata/PR

Presidente Michel Temer durante cerimônia de lançamento do Cartão Reforma | Foto: Beto Barata/PR

Durante o lançamento do programa Cartão Reforma, o governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), parabenizou o presidente Michel Temer (PMDB) pelas medidas de austeridade que tem apresentado desde que assumiu o poder.

Segundo o goiano, são propostas “corajosas” que vão recolocar a economia nos eixos: “Conter gastos, reequilibrar as finanças, sem demagogia, para fazer a ponte, a travessia, de um estado caótico para um em que as pessoas tenham acesso ao emprego e renda, devolvendo-lhes a dignidade”.

A afirmação veio durante discurso: Marconi foi escolhido para falar em nome dos governadores presentes. O programa que está sendo lançado pelo governo Temer foi inspirado, também, no Cheque Moradia, do governo de Goiás.

“Tão logo vossa excelência assumiu o governo e tomei a iniciativa de procurar o ministro Bruno Araújo [Cidades] para falar deste programa que é muito bem sucedido em Goiás desde 1999. Aliás, lembro várias políticas nacionais que foram inspiradas em nossa rede de proteção: o cartão Renda Cidadã, que virou Bolsa Família; o Bolsa Universitária, que virou ProUni”, disse o governador goiano ao presidente.

Marconi fez questão de elogiar o Cartão Reforma e brincou que, tamanho sucesso terá o projeto, que o orçamento de R$ 500 milhões para 2017 haverá de ser multiplicado “pelo menos por dez” em 2018.

O ministro de Cidades, Bruno Araújo (PSDB-PE), elogiou Marconi, destacando que Goiás foi um exemplo exitoso de política pública social. “Cartão Reforma vai cuidar de brasileiros que ao longo dos anos conseguiram construir sua habitação, mas são precárias e sem condição de desenvolver com qualidade o futuro. São 7,5 milhões habitações precárias em todo o país”, disse.

O presidente Michel Temer agradeceu as palavras do governador de Goiás e destacou a importância do projeto para o futuro do país. “Estamos lançando o cartão para que as pessoas tenham melhores e mais dignas condições de vida. Atendemos pressuposto constitucional que garante moradia a todos. Prestigiando o emprego, que é outra tônica do nosso governo”, destacou.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.