Gripe misteriosa mata três na China e mobiliza cientistas de todo o mundo

Surto teria sido causado por um tipo de coronavírus, semelhante ao que matou mais de 800 pessoas na epidemia de  2003

Surto de gripe assusta cientistas do mundo todo | Foto: Pixabay | Divulgação

A terceira morte causada por uma pneumonia misteriosa foi confirmada na última segunda-feira, 20, na China. Desde dezembro mais de 200 pessoas foram infectadas. O surto seria causado por um coronavírus. Casos já foram registrados na Coréia do Sul, Tailândia, Japão e algumas partes da China.

A cidade de Wuhan registrou o primeiro caso da doença, que já espalha pela Ásia. Passageiros de voos chineses que desembarcam em aeroportos dos Estados Unidos já estão passando por uma filtragem e sendo submetidos a exames. Esse novo coronavírus causa complicações respiratórias e nunca tinham sido detectados em seres humanos.

A indústria farmacêutica tem investido alto para acompanhar as demandas que vem surgindo pelo mundo. “Segundo os cálculos do Tufts Center for the Study of Drug Development dos Estados Unidos, o gasto médio com Pesquisa & Desenvolvimento (P&D) de novos medicamentos gira em torno de USS 1,2 bilhão a USS 1,8 bilhão”, explicou o empresário do ramo farmacêutico, Valter Luís Macedo de Carvalhaes Pinheiro. Ainda assim, situações de surtos como esse da Ásia acontecem e fazem com que a comunidade global se mobilize em busca de solução.

Especialistas dizem que o coronavírus se parece bastante com o da Síndrome Respiratória Aguda Grave (Sars), que também começou na China e se espalhou por todo o mundo, infectando milhares e matando mais de 800 pessoas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.