Cremego repudia regulamentação de consultas online e cirurgias à distância

Resolução do Conselho Federal de Medicina estabeleceu regras para telemedicina

Leonardo Reis | Foto: Fernando Leite / Jornal Opção

O Conselho Regional de Medicina de Goiás (Cremego) divulgou,
nesta quarta-feira, 6, nota de repúdio à resolução do Conselho Federal de Medicina (CFM) que regulamenta a prática de consultas, triagens e até cirurgias à distância.

O presidente do Cremego, Leonardo Reis, garante que o conselho goiano vai encaminhar uma nota ao CFM para que o texto da resolução seja alterado. “A teleconsulta deve ser válida apenas com médicos de ambos os lados para que a prática médica seja exercida da melhor maneira possível”. Essa modalidade de consulta online já é permitida.

A nova resolução, que começa a valer a partir de maio, estabelece regras para atendimentos online, como a necessidade de que o primeiro contato seja presencial. No entanto, em caso de comunidades distantes a exigência não existe.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.