Campanha usa “O Vestido” para pedir o fim da violência contra a mulher

Twitter da instituição “The Salvation Army”, da África do Sul, postou a imagem como um alerta sobre abusos

why2

Campanha contra a violência contra a mulher usa “O Vestido” para chamar atenção (clique na imagem para expandi-la) | Foto: reprodução

Uma instituição de caridade ligada à Igreja Católica da África do Sul lançou uma campanha nesta sexta-feira (6/3) que tem chamado a atenção nas redes sociais. O “The Salvation Army” usou o polêmico vestido azul e preto — que muitas pessoas viam como branco e dourado — para questionar a violência contra a mulher.

Na imagem, uma modelo aparece deitada usando vestido, em branco e dourado, cheia de hematomas. “Por que é tão difícil de ver os pretos e azuis”, pergunta o texto, em referência as marcas no corpo da mulher.

A instituição afirma ainda que a única “ilusão” na foto é se alguém pensar que foi “uma escolha da mulher”. Além disso, o projeto alerta para um fato preocupante: uma em cada seis mulheres é vítima de violência. “Parem os abusos contra as mulheres”, finaliza.

Veja o tweet:

Deixe um comentário