Acompanhado dos netos, Iris Rezende é diplomado prefeito de Goiânia

Peemedebista e vereadores eleitos recebem diplomas na manhã desta sexta-feira (16/12)

iris-diplomacao

Presidente da Câmara, Anselmo Pereira; prefeito eleito, Iris Rezende, e os netos | Foto: Larissa Quixabeira

O prefeito e os vereadores eleitos de Goiânia são diplomados na manhã desta sexta-feira (16/12), no Centro de Eventos Professor Ricardo Freua Bufáiçal. Iris Rezende (PMDB) chegou acompanhado da esposa, a ex-deputada federal Dona Íris; dos netos, Mariana e Daniel; e do senador (e principal aliado), Ronaldo Caiado (DEM).

Prestes a completar 83 anos, o peemedebista comandará a capital pela quarta vez. Só que, nesta ocasião, sem um vice-prefeito. Eleito na chapa, o deputado estadual Major Araújo (PRP) renunciou ao cargo após revelar que sofreu boicote e censura por parte do PMDB.

Estão presentes na ocasião os deputados estaduais Bruno Peixoto (PMDB) e Lincoln Tejota (PSD); o deputado federal Daniel Vilela (PMDB); o presidente da Comurg, Edilberto Dias, representando o prefeito Paulo Garcia (PT); o secretário de Governo, Tayrone di Martino (PSDB), representando o governador Marconi Perillo (PSDB); os prefeitos de Aparecida de Goiânia, Maguito Vilela (PMDB), atual, e Gustavo Mendanha (PMDB), eleito; o conselheiro do Tribunal de Contas do Estado de Goiás Sebastião Tejota; e o juiz eleitoral da 1ª Zona, Carlos Magno da Rocha Silva.

Mesa da diplomação dos eleitos | Foto: Larissa Quixabeira

Mesa da diplomação dos eleitos | Foto: Larissa Quixabeira

Os 35 vereadores eleitos e suplentes que comporão a 18ª Legislatura da Câmara Municipal de Goiânia também recebem o diploma do Tribunal Regional Eleitoral de Goiás (TRE-GO).

Discursando em nome dos vereadores, a tucana Dra. Cristina afirmou que o Parlamento tem o dever e responsabilidade de reverter o quadro negativo da política.

“Assistimos aos cofres públicos serem vilipendiados pelos agentes do poder, em um cenário desanimador. A descrença da população nunca foi tão grande a ponto de serem enfraquecidas as instituições. Temos que utilizar a opinião pública como balizadora de nossas atitudes. Somos servidores da população”, afirmou.

Veja a lista abaixo com nome e votos recebidos em 2016:

1. Jorge Kajuru (PRP): 37.796
2. Dra. Cristina (PSDB): 9.114
3. Vinicius Cirqueira (Pros): 8.582
4. Rogério Cruz (PRB): 8.312
5. Anselmo Pereira (PSDB): 7.504
6. Elias Vaz (PSB): 7.487
7. Carlin Café (PPS): 7.392
8. Alysson Lima (PRB): 7.257
9. Sabrina Garcez (PMB): 7.233
10. Felisberto Tavares (PR): 6.670
11. Welington Peixoto (PMDB): 6.513
12. Paulinho Graus (PDT): 6.452
13. Oséias Varão (PSB): 6.171
14. Izidio Alves (PR): 5.889
15. Kleybe Morais (PSDC): 5.818
16. Clecio Alves (PMDB): 5.415
17. Tiaozinho Porto (Pros): 4.878
18. Priscilla Tejota (PSD): 4.807
19. Lucas Kitão (PSL): 4.499
20. Paulo Magalhães (PSD): 4.482
21. Tatiana Lemos (PCdoB): 4.418
22. Delegado Eduardo Prado (PV): 4.237
23. Andrey Azeredo (PMDB): 4.073
24. Gustavo Cruvinel (PV): 4.066
25. Jair Diamantino (PSDC): 3.889
26. Juarez Lopes (PRTB): 3.753
27. Zander (PEN): 3.501
28. Anderson Bokão (PSDC): 3.479
29. Leia Klebia (PSC): 3.367
30. GCM Romário Policárpio (PTC): 3.185
31. Milton Mercez (PRP): 2.886
32. Cabo Senna (PRP): 2.795
33. Sargento Novandir (PTN): 2.713
34. Doutor Paulo Daher (DEM): 2.511
35. Emilson Pereira (PTN): 2.429

Deixe um comentário