Túnel desaba no Rio de Janeiro, atinge ônibus, mas não há feridos

Prefeito Crivella pede encerramento precoce do expediente para funcionários do município e que moradores da zona sul permaneçam em casa

Foto: Reprodução

Uma estrutura de concreto desabou no Túnel Acústico, na Zona Sul do Rio de Janeiro, na Gávea, e atingiu um ônibus, nesta sexta-feira, 17.  Não houve feridos, conforme o corpo de Bombeiros local, e a via foi interditada.

No momento do acidente chovia e houve deslizamento de terra sobre o túnel. Por conta do ocorrido e da interdição, o trânsito, que já estava ruim por um acidente fatal no Túnel Rebouças (que liga zona Norte ao Sul), piorou e o Centro de Operações determinou o estágio de crise na capital.

As interdições totais, no começo desta tarde, envolviam a Avenida Niemeyer, Túnel Acústico e Túnel Zuzu Angel. Já o Túnel Rebouças, que estava parcialmente bloqueado, foi liberado às 14h. Os trajetos entre zonas Sul e Oeste têm ocorrido pela Linha Amarela; passar pelo Alto da Boa Vista não está sob risco durante a chuva.

Detalhes

O motorista do ônibus que foi atingido no desabamento túnel Acústico, Thiago dos Santos, informou que o local já estava engarrafado no momento do acidente. O veículo fazia o trajeto São Conrado à Rodoviária Novo Rio.

Ainda conforme ele, nenhum outro veículo foi atingido. Neste momento, equipes dos Bombeiros, Polícia Militar e também da Defesa Civil verificam mais possibilidades de riscos na área próxima ao acidente.

Fim do expediente

O prefeito Marcelo Crivella (PRB) pediu que os servidores públicos da cidade encerrassem os trabalhos mais cedo. O intuito é não piorar ainda mais o trânsito da cidade no fim do dia.

Ele também solicitou que os moradores da Zona Sul e da Barra da Tijuca não saíssem de casa.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.