Soma de acidentes nas rodovias federais goianas aumentou na Semana Santa de 2022

Em comparação com os dois primeiros dias do feriado do ano passado, houve também ampliação no número de feridos

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgou na manhã deste sábado, 16, um balanço prévio o qual revela que a soma de acidente em rodovias federais que cortam Goiás aumentou neste ano. Segundo a Operação Semana Santa, 11 ocorrências daquela natureza foram registradas nas estradas até agora, com 13 feridos e uma morte. As informações são referentes aos dias 14 e 15 de abril.

Comparado com os dois primeiros dias do feriado de 2021, houve registro de aumento em todos os itens. No ano passado, durante a data da semana santa, a corporação apontou oito acidentes, com sete feridos e nenhuma morte nos dias 1º e 2 de abril.

Em contrapartida, o cálculo de autuações caiu. Neste ano, foram realizadas 1.195 nos dois primeiros dias do feriado, contra 1.633 em 2021. Embora houve essa queda, a soma de pessoas presas subiu de sete para 15.

Segundo a PRF, as principais autuações de 2022 são por ultrapassagem indevida, com 146, pela não utilização do cinto de segurança, com 67, direção sob o efeito de álcool, com 34, uso de celular ao volante, com 17, e o não uso de cadeirinha para crianças, com 10. No total, 4.707 pessoas e 4.212 veículos foram fiscalizados.

Uruaçu

Um desses acidentes ocorreu na tarde desta sexta-feira, 15, na BR-153, em Uruaçu, no Norte goiano. De acordo com a PRF, três adultos e seis crianças ficaram feridas.

Conforme a corporação, o veículo saiu da zona rural de Uruaçu com destino a Campinorte quando o condutor perdeu o controle da direção do carro, colidiu contra o meio fio da rodovia, capotou e caiu numa ribanceira.

Com o impacto, um adulto e uma menina de sete anos tiveram ferimentos graves e os outros ocupantes do veículo sofreram lesões e escoriações diversas, eles foram socorridos e encaminhados por unidades do Corpo de Bombeiros da Concessionária que administra a rodovia para o Hospital Estadual do Centro Norte Goiano em Uruaçu.

Os ocupantes do carro, dois homens e uma mulher com idades entre 30 e 35 anos e seis crianças entre três e dez anos, não usavam cinto de segurança e nem os dispositivos de retenção para os menores.

A PRF informou que, com forte odor etílico no interior do veículo, o motorista se recusou a fazer o teste de etilômetro e foi autuado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.