Senador goiano defende plebiscito para revogar Estatuto do Desarmamento

Wilder Morais é autor de um projeto que propõe convocação da consulta para o mesmo dia das eleições de 2018

Geraldo Magela/Agência Senado

O senador Wilder Morais (PP) defendeu da tribuna da Casa de leis nesta semana um plebiscito para revogar o Estatuto do Desarmamento. O goiano é autor de um Projeto de Decreto Legislativo (PDS) 175/2017 que propõe a convocação da consulta para o mesmo dia das eleições de 2018.

Segundo ele, facilitar o porte e a posse de arma por cidadãos comuns reduzirá a criminalidade. “Hoje o brasileiro é abatido igual a um cordeiro, sem qualquer possibilidade de defesa. Por que isso? Porque o governo tirou o direito do cidadão de se armar. Isso aconteceu em 2003, com a aprovação do Estatuto do Desarmamento”, disse.

No plebiscito, pelo projeto do senador, o cidadão responderia “sim” ou “não” a três perguntas. A primeira seria: “Deve ser assegurado o porte de armas de fogo para cidadãos que comprovem bons antecedentes e residência em área rural?”. A segunda: “O Estatuto do Desarmamento deve ser revogado e substituído por uma nova lei que assegure o porte de armas de fogo a quaisquer cidadãos que preencham requisitos objetivamente definidos em lei?” A terceira, quase idêntica à anterior, substitui apenas “o porte de armas” por “a posse de armas”.

Em resposta ao parlamentar goiano, o senador José Medeiros (Pode-MT) aplaudiu Wilder por “dessacralizar uma vaca sagrada”, ao tocar no tema do desarmamento. Medeiros, que é policial rodoviário, contou que alguns anos atrás afugentou assaltantes de sua casa por estar armado.

” Assim que os bandidos perceberem que a população está armada, não vai ter arrombamento de casa, porque eles sabem que “a taboca vai rachar” e eles podem encerrar a carreira precocemente” argumentou Medeiros. (Com informações da Agência Senado)

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Joaquim Flávio Teixeira siqueira

Já ouve um referente , o que mais estão querendo ?Para mim não passa de chute pra frente , vamos empurrando com a barriga , e o Cidadão de bem esta só engolindo as mentiras .