Recital encerra projeto de inclusão social

Jovens se despedem do Violino Novos Caminhos, no Jardim Novo Mundo, apresentando ao público tudo o que aprenderam em sete meses de curso gratuito

Projeto Violino Novos Caminhos: voltado para jovens entre 10 e 17 anos de idade, moradores da Região Leste da capital | Foto: Divulgação

Depois de intensos sete meses, os jovens participantes do programa Violino Novos Caminhos encerram o curso com a apresentação de um recital nesta sexta-feira (28). A apresentação ocorrerá na Comunidade Imaculada do Jardim Novo Mundo, casa que abrigou o projeto do professor Srilis Leonel Mourão, músico e luthier com longa e reconhecida trajetória em projetos sociais na cidade de Goiânia, que tem a felicidade de finalizar mais uma formação musical de jovens e entregar os certificados a cada um deles.

Voltado para jovens entre 10 e 17 anos de idade, moradores da Região Leste da capital, o projeto Violino Novos Caminhos teve início em fevereiro. Seu objetivo, concluído com grande sucesso, foi promover a cidadania e a inclusão social por meio do ensino musical. Na ativa desde o ano de 2004 com o projeto “Rabecas e Percussão”, Srilis já levou seus instrumentos por diversas comunidades goianas, ensinando crianças e jovens de todas as idades e realidades sociais.

Popularizar a música erudita

Graziene Moreira, produtora responsável pelo projeto por meio da Tear Produtos Culturais, explica que a intenção do “Violino Novos Caminhos” foi popularizar a música erudita, funcionando como uma ferramenta de difusão e apropriação deste universo. Com larga experiência em projetos sócio culturais, Graziene acredita no poder transformador da música e explica que iniciativas como esta têm a força de abrir novas portas e possibilidades no caminho de jovens de locais como o Jardim Novo Mundo.

Não por acaso, a faixa etária alvo do projeto é a de adolescentes. “É muito importante ter um contato com a música na infância e adolescência. São momentos de formação e transformação, e uma atuação como esta pode contribuir e muito para o desenvolvimento pessoal destes jovens”, ressalta ela.

Como funcionou

Ao longo dos sete meses de curso, o “Violino Novos Caminhos” se desenvolveu em três módulos em que os alunos receberam aulas práticas e teóricas do instrumento. E como uma maneira de deixar o projeto ainda mais abrangente, durante estes módulos houve a realização de dois master classes com professores convidados, momento em que os mesmos puderam aprimorar os conhecimentos adquiridos ao longo do período do curso.

Com o apoio do Fundo de Arte e Cultura do Estado de Goiás (FAC), cuja aprovação se deu no edital de 2016, toda a extensão do “Violino Novos Caminhos” foi gratuita e não exigiu do aluno nem que ele tivesse o instrumento. Todos os violinos utilizados para as aulas foram disponibilizados pelo projeto.

Serviço

Entrega de certificados e conclusão do Projeto Violino Novos Caminhos
Data: 28/09 (sexta-feira)
Horário: 20 horas
Local: Comunidade Imaculada

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.