“Quem disse que não podemos estar na mesma trincheira?”, diz Marconi ao lado de Maguito

Ao assinar convênio com Gustavo Mendanha, governador tucano afirma que é “parceiro do PMDB em Aparecida”

Eliton, Marconi, Gustavo Mendanha e Maguito | Foto: Jota Eurípedes

O governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), exaltou, mais uma vez, a boa relação que tem com as lideranças do PMDB de Aparecida de Goiânia. Na cidade para assinar convênio de R$ 12,5 milhões por meio do Goiás na Frente, o tucano teceu elogios ao prefeito Gustavo Mendanha e ao ex-prefeito Maguito Vilela.

“Nós não vamos mudar a relação com Aparecida de Goiânia, independentemente de partido. Até porque a vida – e na política não é diferente – a gente às vezes pode, hoje, estar em um campo diferente, falando da política, e amanhã a gente pode estar no mesmo campo”, afirmou o tucano.

Durante discurso, Marconi explicou que apoia o governo do peemedebista Michel Temer por acreditar que é “bom” e sugeriu que não se opõe a uma possível aliança entre PSDB e PMDB no futuro.

“Em Aparecida, sou parceiro do PMDB, sou parceiro do prefeito Gustavo [Mendanha]. Quem é que pode dizer ou adivinhar que, lá na frente, não possamos estar numa mesma trincheira, considerando um interesse maior do Estado de Goiás, do Governo de Goiás?”, completou sob forte salva de palmas.

Para o governador, a retomada do desenvolvimento econômico do país exige parcerias consistentes, acima das diferenças partidárias e capazes de retomar o emprego e divisão de renda entre os brasileiros. Justamente por isso, à frente do governo de Goiás, tem procurado promover essas parcerias “independentemente de questões partidárias atuais”, pois estas podem “se ampliar no futuro em prol do atendimento das demandas do Estado”.

Parcerias 

Gustavo Mendanha e Marconi durante evento | Foto: Wagnas Cabral

Marconi ressaltou também a facilidade que tem em conversar e fechar parcerias com Gustavo Mendanha, mesmo este sendo do principal partido de oposição ao governo de Goiás.

“Nós estamos concluindo a Alameda da Paz, obra que eu comecei com o Maguito [Vilela], na parceria com a Agetop, e agora a Agetop com o Jayme [Rincón] e com o prefeito Gustavo [Mendanha], concluindo a via, uma alameda muito bonita. E vamos começar uma outra. O prefeito vai terminar agora o convênio, o projeto e vamos firmar a parceria”, destacou.

O prefeito de Aparecida de Goiânia devolveu os elogios: “O governador Marconi Perillo tem um carinho especial por Aparecida e tem promovido nosso desenvolvimento.”

Segundo o peemedebista, o governador sempre “traz obras e investimentos importantes para o desenvolvimento de Aparecida de Goiânia” e, por isso, é muito grato às parcerias administrativas que o governo do Estado firmou com Aparecida, durante a gestão dele e dos prefeitos que o antecederam, citando em especial o ex-prefeito Maguito Vilela (2009-2015).

“Obrigado por tudo aquilo que o senhor tem feito por Aparecida e pelo povo de Goiás”, declarou o prefeito, em discurso.

Alfinetada

Marconi cumprimenta morador ao lado de Maguito | Foto: Wagnas Cabral

De forma sutil, o governador de Goiás aproveitou o clima amistoso entre ele e o PMDB de Aparecida para alfinetar o senador e suposto pré-candidato ao governo em 2018, Ronaldo Caiado (DEM).

“É muito fácil xingar as pessoas, criticar, fazer discurso da boca para fora. O difícil é unir forças, o difícil é realizar – e não apenas discursar. Uma coisa é falar, uma coisa é conversar abobrinha. A outra coisa é juntar as pessoas, pelo bem da cidade, pelo bem do povo”, defendeu.

Maguito Vilela também criticou o discurso de bravatas e ataques, em uma clara referência ao democrata, que espera o apoio do PMDB para o ano que vem.

 

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.