Qualidade na prestação de serviços da Enel em Goiás é discutida em audiência do Senado

Requirida pelo senador Luiz do Carmo (MDB), reunião contou com a participação do governador Ronaldo Caiado (DEM) e de autoridades do setor energético 

Requerimento leva em consideração fluxo de reclamações | Foto: divulgação

O Senado Federal recebeu nesta quarta-feira, 4, audiência pública para discutir a qualidade dos serviços prestados pela Enel no Estado de Goiás. A reunião contou com a presença de  autoridades como o governador Ronaldo Caiado (DEM) e o senador goiano Luiz do Carmo (MDB), requerente da audiência. O diretor presidente da Enel, José Luis Rincon também esteve presente, ao lado de autoridades do setor energético.

Já na abertura, Luiz do Carmo destacou as reclamações sobre problemas relatados pelos goianos com a distribuidora Italiana. “Convidei as maiores autoridades do Estado de Goiás, que tem o maior interesse na solução desse problema, que tanto tem sacrificado o nosso povo. Os números apresentados aqui, mostrarão o quanto Goiás precisa de nossa ajuda”, comentou.

Segundo o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, o mais importante para o Estado é a garantia de um serviço constante e eficiente. Segundo ele, o que se tem percebido é uma grande variação no número de ocorrências, o que demonstra falta de uma equipe preparada para as mais diversas demandas.

“É preciso saber de que maneira podemos ter uma perspectiva de uma empresa que vai derrubar essa barreira [problemas de fornecimento elétrico] no desenvolvimento do Estado. Até quando vamos ter essa curva nos gráficos”, afirmou o Caiado.

Para o diretor presidente da Enel Distribuição Goiás, José Rincon, a empresa vem trabalhando para melhorar a prestação do serviço, e em breve o goiano vai notar o resultado. “Temos a humildade em reconhecer que precisa melhorar, e estamos trabalhando para acelerar os investimentos. Redimensionamos os serviços de acordo com a alta demanda enfrentada em novembro, e vamos colocar pontos mais próximos dos produtores rurais”, comentou.

Em nota a Enel afirma que realizou investimentos significativos e que os “indicadores de qualidade da companhia medidos pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), que alcançaram os melhores níveis da história da distribuidora, e estão dentro das metas previstas no contrato de concessão”

Nota da integra

A Enel Brasil informa que, desde que assumiu a distribuidora de energia de Goiás, em fevereiro de 2017,  aumentou de forma significativa os investimentos no Estado. A empresa já investiu cerca de R$ 2,3 bilhões na rede elétrica de Goiás, 3,5 vezes mais do que os níveis históricos anteriores a privatização, e investirá mais R$ 3,2 bilhões nos próximos três anos, de 2020 a 2022.

Os investimentos já contribuíram com uma melhoria significativa dos indicadores de qualidade da companhia medidos pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), que alcançaram os melhores níveis da história da distribuidora, e estão dentro das metas previstas no contrato de concessão. De fevereiro de 2017 a janeiro de 2020, a duração média das interrupções no fornecimento de energia por cliente (DEC) reduziu em cerca de 8 horas, uma melhora de 27%. Já o número médio de interrupções por cliente (FEC) registrou  uma melhora de 45% neste mesmo período.

A Enel Distribuição Goiás reforça que está cumprindo com o termo de compromisso firmado em agosto com o Governo do Estado, Aneel e Ministério de Minas e Energia. A companhia tem prestado todos os esclarecimentos necessários às autoridades de forma periódica e continuará dedicando todos os esforços para garantir a melhora constante da qualidade do fornecimento de energia em todo o Estado de Goiás.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.