Projeto de lei determina instalação de armários em escolas de Goiás

Proposta também estabelece um peso máximo de material a ser transportado na mochila pelos alunos

Um projeto de lei que tramita na Assembleia Legislativa de Goiás dispõe sobre o peso dos materiais escolares que são transportados pelos estudantes e como solução determina a instalação de armários nas escolas de ensino fundamental e médio da rede pública estadual.

A matéria de autoria do deputado estadual Bruno Peixoto (PMDB) também estabelece que o material a ser transportado diariamente na mochila dos alunos não poderá ser superior a 10% do seu peso.

A proposta já foi encaminhada para a Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ) da Casa. Se for aprovada, o poder público deverá promover campanhas educativas sobre a temática, além de instalar armários nas escolas de ensino fundamental e médio.

Em sua justificativa, Bruno Peixoto afirma que o excesso de peso transportado por estudantes, principalmente por crianças e adolescentes que estão na fase de crescimento rápido, preocupa os especialistas da área da saúde, sobretudo porque esse é o período de desenvolvimento e consolidação de seu esquema postural e da estrutura corporal. “Creio que a busca pela saúde de nossas crianças deve prevalecer”, destaca o deputado.

Deixe um comentário