Projeto da Prefeitura de Goiânia “esquece” livros em vários pontos da capital

Quem encontra, leva para casa e depois, se quiser, pode esquecer por aí também 

Divulgação

Divulgação

A Prefeitura de Goiânia, por meio da Secretaria Municipal de Cultura (Secult Goiânia), realiza nesta terça-feira (5/5), a partir das 9 horas, mais uma edição do Projeto Achei um Livro, que busca o incentivo à leitura pela doação de livros em locais públicos.

Cerca de 4 mil livros de diversos gêneros serão “esquecidos” em bancos de praças e calçadas do centro da cidade em locais como ponto de ônibus, bancos, portas de igrejas e até mesmo próximo a algumas árvores. Quem achar o livro é o novo dono e poderá levá-lo para casa, ler e, como estímulo do próprio projeto, esquecê-lo novamente em algum lugar para que ele encontre um novo leitor.

Os parceiros desta edição são a União Brasileira de Escritores (UBE), a Superintendência do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) em Goiás e a Lei Municipal de Incentivo à Cultura.

Qualquer pessoa pode doar livros e gibis para o projeto. Os exemplares podem ser entregues no Centro de Memória e Referência Grande Hotel, na Avenida Goiás esquina com a Rua 3, no centro da capital, ou na sede da Secult Goiânia, que fica na Rua 84, abaixo da Praça do Cruzeiro, no Setor Sul.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.