Primeiro-ministro grego confirma fechamento temporário dos bancos

Na maioria das caixas multibanco do centro de Atenas, no domingo (28), não havia mais dinheiro disponível, enquanto as filas cresciam

O primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, anunciou que os bancos gregos estarão fechados nesta segunda-feira (29/6). Ele assegurou que estão garantidas as poupanças, salários e pensões dos cidadãos. A medida foi tomada após uma corrida dos gregos aos bancos para retirar dinheiro diante da incerteza da situação financeira da Grécia.

A Grécia termina na terça-feira (30) o seu programa de resgate e o Eurogrupo recusou alargar o prazo até ser conhecido o resultado do referendo aprovado pelos gregos e agendado para o dia 5 de julho. No referendo, o povo grego vai dizer se aceita ou não as condições dos credores internacionais para um acordo com Atenas.

O Banco Central Europeu anunciou hoje ter decidido manter os empréstimos de emergência aos bancos gregos nos atuais níveis, enquanto o banco nacional grego se comprometeu a adotar todas as medidas necessárias para garantir a segurança financeira.

O Fundo Monetário Internacional reafirmou também o empenho em continuar a colaborar com as autoridades gregas, embora manifestando desapontamento com os resultados inconclusivos das negociações entre Atenas e os credores internacionais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.