Prefeitos engrossam coro da base aliada por candidatura de Demóstenes

Oficialmente, já são mais de 50 prefeitos que apoiam o petebista

Arquivo

Pré-candidato ao Senado, o procurador Demóstenes Torres (PTB) tem ganhado apoio de dezenas de prefeitos goianos. Os chefes de Executivos municipais defendem a viabilidade do ex-senador baseados na experiência e seriedade do político, bem como acreditam que ele seja merecedor de uma segunda chance.

Oficialmente, já são mais de 50 prefeitos que apoiam o petebista. Outros, apesar de andarem junto com o procurador, temem perder recursos de emendas, caso o apoio seja concretizado e preferem não se manifestar publicamente.

Entre os apoiadores, grande parte da base governista, ainda há a defesa da realização de prévias e que sejam ouvidos não só prefeitos, mas como todos os líderes que compõem o grupo político.

O Jornal Opção ouviu quatro das dezenas de prefeitos que apoiam o procurador. Confira abaixo o que disseram os gestores:

Hildo do Candango (Águas Lindas) – Meu entendimento, enquanto prefeito e membro do PTB, é de que Demóstenes é um homem que fez um bom serviço para o Estado e para o País. Conseguiu provar que é inocente e que foi vítima de uma situação não provada. Teve forte atuação no Congresso, fez o bem para população e tem o direito de ser candidato.

Sobre a situação na base governista, o PTB tem sido bastante enfático que quer o Demóstenes na condição de candidato. O PTB pode somar mais do que outros partidos que disputam a vaga, está em um momento de ascensão, com várias lideranças pelo Estado, que estão cada vez mais engajados, justamente com a presença do Demóstenes na chapa.

Paulinho Rezende (Hidrolândia) – Conheço Demóstenes há muitos anos, ele já me apoiou em Hidrolândia. É companheiro e tem muito a contribuir ao Estado. Demonstrou ser um grande parlamentar, que nos ajudou com várias leis. Acredito muito nele. Foi injustiçado politicamente, e nada se provou em relação a ele, tenho grande afinidadade, e ele está na base independente de ser candidato e isso é louvável. Todas as lideranças, prefeitos e deputados têm que ser ouvidos, é necessário realizar prévias e definir o segundo nome para a disputa ao Senado.

Divino Lemes (Senador Canedo) – Eu sou torcedor e amigo de Demóstenes. Apoio ele primeiramente pela questão do trabalho jurídico que ele já realizou, pela pessoa que conhece a fundo o Senado e é extremamente preparado para o exercício de senador. Em segundo lugar, tem a questão pessoal. Ele é um amigo e é melhor caminhar junto com quem você tem intimidade.

Roberto (Anápolis) – A candidatura é uma questão de Justiça. Ele foi cassado em um processo político, teve oportunidade de se defender perante à Justiça, resolveu todos os seus problemas, e, agora, vai ser julgado pelas urnas. Acreditamos totalmente na sua candidatura, assim como acreditamos na sua eleição.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.