“Posso ser vice de Marconi”, brinca Alckmin

Governador de São Paulo veio a Goiás participar da assinatura de protocolo de intenções e se esquivou de pergunta sobre candidatura em 2018

Governadores Marconi Perillo e Geraldo Alckmin durante a coletiva de imprensa | Foto: reprodução

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), esteve em Goiânia nesta quinta-feira (2/2) para participar de uma assinatura de protocolo de intenções destinado à preservação de uma grande área de Cerrado no município de Niquelândia, firmado entre o governo de Goiás e a empresa Votorantim.

Durante coletiva de imprensa, o Jornal Opção questionou o tucano paulista sobre uma possível candidatura à presidência da República em 2018 e as especulações de que o governador goiano poderia ser vice na chapa.

De forma descontraída, Alckmin respondeu: “Primeiro que eu poderia ser vice de Marconi”, arrancando gargalhada do goiano. “Segundo que eu, por enquanto, só falo de presidência se for do Santos Futebol Clube”, completou.

Apesar da brincadeira, há articulações dentro do PSDB para que Alckmin — caso seja confirmado como nome do partido à disputa de 2018 — aposte em um vice jovem, bem sucedido politicamente e fora do eixo Rio-São Paulo. Entre os cotados está o goiano, em caso de chapa pura.

A vinda do governador paulista a Goiânia durante o encontro do Brasil Central, o consórcio de seis estados presidido e comandado por Marconi, tem conotação administrativa, pois aqui foi assinada a ordem de serviço para obra na hidrovia Tietê-Paraná-Paranaíba, mas também marca o início da peregrinação de Alckmin pelo país.

A aproximação com três dos outros cinco governadores do PSDB faz o prestígio do paulista subir. No evento, foi possível perceber a sinergia entre ele, Marconi, Reinaldo Azambuja (MS) e Pedro Taques (MT).

Outro que também sugeriu uma possível aliança “café com pequi” foi o governador de Tocantins, Marcelo Miranda (PMDB). Durante seu discurso, após tecer elogios a Marconi e Alckmin, disse que a dupla “fará muito bem para o Brasil”.

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Welbi Maia

Geraldo Alckmin, sem dúvida, é um dos políticos mais experientes e de maior destaque do país. Dirige o principal Estado da nação pela quarta vez. Foi reeleito no primeiro turno com uma votação muito expressiva. Perdeu em apenas um município dos 645. Foi também vereador, prefeito, Deputado Estadual e Federal. Sua trajetória o credencia a disputar qualquer cargo. Se Alckmin for candidato, terá meu apoio e meu voto.