Candidatos do pleito eleitoral deste ano devem finalizar prestação de contas até o final de novembro

A exigência decorre do artigo 33, §4º da resolução número 23.406 das Eleições de 2014, publicado no dia 27 de fevereiro deste ano pelo Tribunal Superior Eleitoral

Os candidatos que concorreram ao pleito eleitoral deste ano devem continuar a prestação contas ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Aqueles que concorreram no 1º turno tem o prazo de até 4 de novembro e os que chegaram ao 2º turno das eleições tem o prazo limite para o dia 25 do mesmo mês.

A exigência decorre do artigo 33, §4º da resolução número 23.406 das Eleições de 2014, publicado no dia 27 de fevereiro deste ano pelo TSE. “A decisão promove a legalidade e transparência do processo eleitoral, por meio da elaboração, supervisão e validação das prestações de contas”, disse o vice-presidente Administrativo do Conselho Regional de Contabilidade de Goiás (CRC-GO).

O CRC alerta para a necessidade de se contratar um contabilista para tal processo e que o trabalho deve ser feito ao lado de um advogado. “Esta participação irá contribuir ainda mais para a profissionalização da classe e na ação como fator de proteção da sociedade”, afirmou.

A prestação de contas começou no dia 28 de julho e 2 de agosto. A segunda fase foi entre os dias 28 de agosto e 2 de setembro.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.