PF prende grupo do site Mega Filmes HD e usuários ficam inconsolados na web

Assunto é o mais comentado no Twitter mundial, onde internautas pedem a manutenção do site e agradecem pelo trabalho feito

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quarta-feira (18/11) a Operação Barba Negra, que desarticulou uma organização criminosa especializada na prática de crimes contra os direitos autorais: trata-se do grupo que gerenciava o site Mega Filmes HD, que disponibiliza filmes e séries para serem assistidas on-line.

Logo após ação da PF, internautas começaram a comentar na web e assunto já é o mais comentado no Twitter mundial. Conforme informações da polícia, até o momento duas pessoas foram presas e outras cinco foram conduzidas coercitivamente para serem ouvidas. Foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão nas cidades de Cerquilho (SP), Campinas (SP) e Ipatinga (MG). Após pedido da PF, foram bloqueadas as contas bancárias dos sete suspeitos.

A Polícia Federal explicou que o site possui um acerco de cerca de 150 mil filmes, documentários, séries de TV e shows. De acordo coma  polícia, o portal recebeu no primeiro semestre deste ano cerca de 60 milhões de visitas por mês.

O delegado da Polícia Federal Valdemar Latance Neto disse em entrevista à TV TEM, afiliada da Rede Globo na região de Sorocaba, que estima que grupo tenha recebido R$ 70 mil por mês de publicidade, forma como o grupo obtinha renda.

O site ainda está no ar. Conforme o delegado, a 1ª Vara da Justiça Federal de Sorocaba determinou que a empresa que hospeda o site retire o Mega Filmes HD do ar nos próximos cinco dias. Entretanto, Valdemar pontuou que a polícia tenta que a decisão seja cumprida ainda nesta quarta-feira (18). (Com informações da PF e do G1)

Confira alguns tuítes:

twitter5
twitter3 twitter4

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.