PF desarticula quadrilha goiana de estudantes que fraudavam vestibular de medicina

Foram cumpridos quatro mandados de prisão temporária e quatro mandados de busca e apreensão em Goiânia. Ação teve apoio da Pontifícia Universidade Católica

| Foto: Marcos Santos/ USP Imagens

| Foto: Marcos Santos/ USP Imagens

A Polícia Federal (PF) desarticulou nesta terça-feira (17/11) uma organização criminosa que fraudava vestibulares de instituições públicas e privadas em Goiás, Distrito Federal e em outros Estados.

Intitulada de Operação Gabarito, a ação teve apoio do Ministério Público Federal (MPF) e da Pontifícia Universidade Católica (PUC). As investigações mostraram indícios de que quatro estudantes de Medicina estavam envolvidos nas fraudes de vestibulares do curso.

Foram cumpridos quatro mandados de prisão temporária e quatro mandados de busca e apreensão em Goiânia.

Os detidos serão indiciados pelas práticas dos crimes de associação criminosa e fraudes em certames de interesse público, com dano à administração pública.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.