Pesquisadora transforma resíduos de garrafa pet em gasolina e diesel

A engenheira química norte-americana Linda Wang conseguiu transformar lixo plástico em combustíveis, como gasolina e diesel

Foto: Divulgação

 

A cientista da universidade de Purdue, nos Estados Unidos, conseguiu reciclar os resíduos de lixo plástico despejado no meio ambiente em combustíveis limpos. Junto de sua equipe, ela desenvolveu uma forma de transformar resíduos de poliolefinas, tipo de plástico comum do qual são feitas as garrafas PET, em gasolina e diesel.

“Nossa estratégia é criar uma força motriz para a reciclagem, convertendo resíduos poliolefínicos em uma ampla gama de produtos valiosos, incluindo polímeros, nafta (uma mistura de hidrocarbonetos), ou combustíveis limpos”, contou Linda Wang em entrevista a um jornal local.

O processo de produção de plástico em combustível incorpora a extração seletiva e a liquefação hidrotérmica. Uma vez que o plástico é convertido em nafta, ele pode ser usado como matéria-prima para outros produtos químicos ou ainda separado em solventes especiais ou outros produtos.

Os combustíveis limpos derivados dos resíduos de poliolefina gerados a cada ano podem atender 4% da demanda anual de gasolina ou diesel.

“Nossa tecnologia de conversão tem o potencial de aumentar os lucros da indústria de reciclagem e reduzir o estoque de resíduos plásticos do mundo”, garantiu a engenheira norte-americana.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

isis ayres

Que interessante, mas o certo mesmo seria se o ser humano conseguisse parar de utilizar o petróleo…