PC cumpre 31 mandados contra investigados por golpes em Goiás, Rio de Janeiro e São Paulo

Os suspeitos são investigados há mais de seis meses, tendo a operação reunido casos de vítimas idosas nos três estados com prejuízo de R$ 650 mil

Operação Inaequo | Foto: Divulgação

Operação da Polícia Civil de Goiás (PC-GO), cumpre 31 mandados dentre prisões, buscas e apreensões contra suspeitos de crimes de estelionato mediante fraude eletrônica contra idoso, organização criminosa e lavagem de dinheiro envolvendo o “Golpe do Número Novo”.

Os suspeitos são investigados há mais de seis meses, tendo a operação reunido casos de vítimas idosas no Rio de Janeiro, São Paulo e Goiás. As vítimas, acreditando atender um pedido urgente dos seus filhos, via Whatsapp, efetuaram depósito nas contas indicadas pelos criminosos que, somados, alcançaram prejuízo de R$ 650 mil.

A Operação Inaequo busca atingir todas as camadas das associações criminosas voltadas à práticas de golpes, alcançando todos os envolvidos no esquema e bloqueando o patrimônio dos mesmos.

Os responsáveis poderão responder pelos delitos de estelionato mediante fraude eletrônica, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

O Grupo de Repressão a Estelionatos e Outras Fraudes, apenas no ano de 2021, indiciou mais de 100 pessoas envolvidas em golpes diversos. No total, 80 pessoas foram presas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.