Operação nacional confirma desmatamento irregular em cinco cidades de Goiás

Foram nove infrações ambientais e mais de R$ 2 milhões em multas

Foto: reprodução

A Operação Nacional Mata Atlântica em Pé, que envolveu o Ministério Público de Goiás (MP-GO) e órgãos ambientais, identificou 511 hectares – equivalente a 5 km² – desmatados irregularmente em cinco cidades de Goiás. O MP-GO e a Secima confirmaram que os municípios vistoriados foram Morrinhos, Corumbaíba, Caçu, Itumbiara e Paranaiguara.

Durante a ação das entidades, realizada na última semana, foram emitidas nove infrações cujas multas somam R$ 2.073.000,00.

Em parceria com o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e os órgãos ambientais estaduais a operação também agiu em outros 14 estados e identificou o desmatamento de 5.285 hectares de mata de 517 propriedades. O total de multas emitidas foi de R$ 20.640.112,00.

A operação teve por objetivo proteger e recuperar o bioma, que é um dos mais destruídos e explorados do país, a partir da identificação das áreas degradadas nos últimos anos e dos responsáveis pelas agressões, cobrando a reparação dos danos e outras medidas compensatórias.

Além dos MPs, a operação teve participação das polícias ambientais e órgãos públicos ambientais do Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Mato Grosso do Sul, Goiás, São Paulo, Espírito Santo, Minas Gerais, Bahia, Sergipe, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Piauí e Ceará. (Com informações da Assessoria de Comunicação do Ministério Público de Paraná)

Mata Atlântica

O bioma da Mata Atlântica está presente em 17 estados brasileiros e cobre (em sua extensão original) cerca de 13% do território nacional, onde vivem aproximadamente 140 milhões de pessoas, que dependem das múltiplas funções ambientais da Mata Atlântica. Restam apenas cerca de 10% da mata original. Apesar disso, continuam ocorrendo desmatamentos em toda a sua extensão. 

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.