Negociações para fim da greve dos bancários continuam

Categoria reivindica reajuste de 16% com reposição da inflação, mais 5,7% de aumento real, participação nos lucros e resultado (PLR), equivalente a três salários mínimos

Bancários estão em greve há 15 dias nos 26 estados e no Distrito Federal | EBC

Bancários estão em greve há 15 dias nos 26 estados e no Distrito Federal | EBC

As negociações entre os bancários e a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) pelo fim da greve continuam nesta quarta-feira (21), a partir das 11 horas. Na terça-feira (20), a categoria rejeitou a proposta de 7,5% de reajuste e retirada do abono, após reunião no Hotel Maksoud Plaza, capital paulista.

De acordo com o Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e Região, o Comando Nacional dos Bancários quer discutir aumento real e orienta a categoria a manter a greve forte.

Os bancários estão em greve há 15 dias. Ontem (19), segundo a Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (‎Contraf-CUT), 12.496 agências e 40 centros administrativos paralisaram suas atividades nos 26 estados e no Distrito Federal.

Eles reivindicam reajuste salarial de 16%, incluindo reposição da inflação, mais 5,7% de aumento real, participação nos lucros e resultado (PLR), equivalente a três salários mínimos, mais R$ 7.246,82, melhores condições de trabalho e fim das demissões, entre outros.

“O desrespeito dos bancos continua. Amanhã, a greve completa 16 dias, sem avanço até o momento. Queremos discutir um reajuste digno do esforço dos bancários e correlato aos ganhos reais dos bancos. Não podemos aceitar perda salarial”, disse, em nota, Juvandia Moreira, presidenta do Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e Região e uma das coordenadoras do Comando Nacional dos Bancários.

“Os bancos apresentaram uma proposta que reduz ainda mais os salários. Reiteramos nossa disponibilidade de negociar nova proposta. Por enquanto, a orientação é manter a greve forte. A negociação será retomada amanhã às 11h”, informou Roberto Von der Osten, presidente da Contraf-CUT e também coordenador do Comando Nacional.

35 respostas para “Negociações para fim da greve dos bancários continuam”

  1. edison disse:

    os bancários
    não merecem aumento, porque é de péssima qualidade do serviço aqui no brasil!!!!

  2. Daniela carvalho disse:

    E o povo que sofre com isso,dizer que ta facil realizar pagamentos,fazer saque,palhaçada isso sim porque quem nao tem o cartao nada disso funciona.

  3. ricardo disse:

    pra que sindicato se nós clientes somos o argumento maior, assim é bom ganhar com o sofrimento alheio

  4. Lenine disse:

    Um povo merece os governantes (patrões) que tem!

  5. Érika disse:

    Enquanto isso nos somos trouxas e pagamos o pato isso é ppalhaçada viu

  6. drausio disse:

    Na realidade a greve é apenas contra o cidadão. Os Bancos continuam trabalhando internamente. Se querem fazer greve, tomem vergonha e façam a coisa direito: paralisa o serviço interno…..e não apenas dificultem, como estão fazendo, a vida de todos nós!!!!!

  7. juninho disse:

    quem trabalha em banco tem que receber salario minimo ai vão ver o que e desrespeito,são tds manso,e não merecem aumento.E o atendimento e péssimo.

  8. Pedro disse:

    Todo ano e a msm coisa!

  9. fabio disse:

    Eles já tem um otimo salario para trabalhar tao pouco em quanto isso um trabalhador normal ganha um salario nao passa de um e meio isso e uma vergonha

  10. Rodrigo disse:

    É muita sacanagem eles deviam dar graças a Deus por estarem empregados nessa crise que estamos, não é justo o povo pagar por mais esse erro por causa do governo. Veja só o meu caso to passando necessidade por causa do banco em greve e aí o que eu faço? Boto uma arma na cintura e vou assaltar ? Isso ninguém ve.

  11. Charles Sampaio Barbosa disse:

    Essa greve e só para atrasar mais um pouco a vida de todos bois brasileiros isso e uma vergonha com todas as argencia fechada quando os professores entrarão em greve entrarão na justiça para parar a greve e os professores voltaram pq na não faz isso com os bancários tanta gente que trabalha e gganha um miserio salario minimo isso e só o vale refeição e alimenta
    ção dos funcionários do bancos isso é uma Vergonha para nois brasileiros

  12. Ed Luiz disse:

    acho que todo o trabalhador tem direito a greve desde que não prejudique terceiros,penço que um numero mínimo de agencias deveriam funcionar normal por exemplo eu estava passando perto da agencia da caixa e tinha uma mulher chorando desesperada por que precisava de sacar o pis,pelo jeito era uma pessoa que precisava muito,e o seu cartão deu erro de leitura e ela dizia na minha casa já não tem nada minha luz esta cortada e minha esperança era esse dinheiro aí eu te pergunto é justo?

  13. nildo disse:

    em meio a tanta crise no nosso país,bancário ainda quer aumento de salário,isso só pode ser piada.e ainda acha pouco prejudicar milhares de pessoas que precisam do serviço de banco. tinha que ser no brasil um negócio desses!!!!indignado!!!!

  14. Paulo Joanes disse:

    A greve bancária só atinge a população, os banqueiros estão pouco se lixando. Muitas transações podem ser feitas via internet,então isso vai durar muitos dias. Quem precisa de atendimento no caixa tá fudido. BRASIL, UM PAÍS DE POUCOS!

  15. maestro disse:

    brasil e um pais de escravos trabalhar so para patrao vou cancelar tudos meu cartao depois esse greve

  16. Ingrid Stephanie X Chris Range disse:

    Esses bancarios sao todos filhinhos de papai nunca passo nessecidade eles ta pouco se lixando pra gente eu to na espera mais de 3 messes para sakar o fgts desde minha saida da empresa ja foi virado nun saci nisso minhas contas dobraro to deveno pra todos ai a boa grana ki ia pegar vai fikar toda pras contas acumuladas e ainda vc tem ki ler vc consegue sakar se fgts até 1.500 vai pranta batata colhe café .por isso na biblia diz maldito homen que confia em outro homen vo espera em Deus en fim Deus abençoe a todos vcs .

  17. lucia disse:

    a unica coisa que eu não acho justo é prejudicar as pessoas que não tem culpa de nada,eu tenho um monte de conta pra pagar e estou sem cartãoe ate agora não consegui resolver e justo fazer greve e segurar o meu dinheiro,acho que não se pode ficar com o dinheiro que não é seu

  18. Renata disse:

    Rídiculo essa greve, numa crise em que passamos atualmente e eles querendo aumento, manda todos pra rua e contrata que realmente quer trabalhar, só para lembrar que o VA deles passa de 800,00 e nunca estão satisfeitos…ah pára!

  19. fernanda disse:

    enquato o povo aceitar essa palhacada.n tera fim

  20. Nanda disse:

    Pois é bancários e banqueiros independente de quem seja a devida culpa. O problema da questão é que o prejuízo sempre vai cair em cima de alguém, e até o momento o prejuízo caiu em cima do cliente…..Eles reivindicam por melhores salários, mas se olhar direitinho com o mesmo nível de escolaridade e muitas das vezes até com mais responsabilidades outros ganham tão quanto ou até menos.

  21. joão baptista peixoto disse:

    deviam aceitar a proposta da fenabran acabar com a greve porque o povão são os mas prejudicados

  22. Peixoto A. Dias disse:

    Greve de que? Trabalha das 9 horas às 16 horas, Não trabalha aos Sábados e Domingos, Não se suja, náo sua, (perdão, quem sua são os cavalos), Foi o que eu quis dizer, Não transpira e nem tem calos nas mãos! Só anda arrumadinho, tem emprego garantido, burgueses de uma classe privilegiada, sem medo de ser demitido, por fazer uma greve indecente. Qual é? E eu?, Que pago o teu salário e as tuas férias, Não posso fazer greve! A tua greve!(?) Vagabunda malandragem é o que é! É injusta e anti-cívica. Deveria ser vista cono ameaça à Segurança Nacional. Eu queria ver fazerem greve em Cuba; onde a única greve permitida é a greve de fome, em que vocês morreriam. Pois eles não estão nem aí! Vão trabalhar! O que é? Não gostaram? Vão responder-me com um monte de desaforos, não é?
    Em mais de 50 anos de trabalho, Nunca fiz greve, e fui vítima de uma, fui agtredido, afendido e atravessei um corredor polonês para entar na minha empresa. No dia seguinte a fila da bruxa era grande. Naquele tempo outra chusma de políticos vagabundos aprovaria a tal Lei de Greve. Pude observar na agência do meu banco o despreparo dos funcionários no atendimento ao público. Ah! São muito eficientes em levar um grampeador de um lugar para outro! Hé um consenso geral de que essa greve é de interesse dos próprios banqueiros e do governo.
    Peixoto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.