Morre Diego Maradona

Maior jogador da história do futebol argentino sofreu parada cardiorrespiratória em sua casa

Diego Armando Maradona morreu aos 60 anos | Foto: Reprodução

Considerado o maior jogador de futebol da Argentina, Diego Armando Maradona, de 60 anos, morreu no início da tarde desta quarta-feira, 25, em Tigre, onde morava. Segundo o jornal Clarín, ele teve uma parada cardiorespiratória.

O ex-jogador havia passado por uma cirurgia delicada no cérebro no início do mês para drenar uma pequena hemorragia.

O jornal argentino tachou a morte de Maradona como “um golpe que retumba em todas as latitudes. Um impacto mundial”.

Considerado um dos maiores jogadores da história do futebol, Maradona sagrou-se campeão da Copa do Mundo em 1986 com gols memoráveis e atuação impecável.

Maradona disputou 676 partidas e marcou 345 gols em 21 anos de carreira, entre a seleção e clubes. Passou pelo Barcelona, onde deixou três títulos e, o principal deles, o Napoli, com o qual conquistou dois Scudettos (1986/87 e 1989/90), a Copa da Uefa, Copa Itália de 1986/87 e a Supercopa de 1990. Se sagrando ídolo máximo do clube.

Em 1991 foi pego em dopping por cocaína, o que foi o início de seu declínio como atleta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.