Missão nos EUA pretende expadir relações bilaterais, avalia governador

Foco da missão é garantir a transferência de tecnologia e maquinários americanos, a preços competitivos, para agregar maior valor à produção local

A comitiva liderada pelo governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), está, a partir desta segunda-feira (26/9), nos EUA com a missão de expandir as exportações de Goiás para os norte-americanos no médio prazo. “Ainda há espaço para aprimorar as relações bilaterais”, avalia o governador.

Principal potência econômica do mundo, o país da América do Norte fechou 2015 na sétima colocação entre os maiores compradores de produtos goianos, conforme dados Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SED).

À frente dos norte-americanos estão a China, Holanda, Índia, Rússia, Coreia do Sul e Irã. Entre janeiro e agosto deste ano, Goiás já vendeu 109,6 milhões de dólares de ferro, couro e açúcar (veja quadro abaixo).

“É um mercado com potencial de crescimento. Essa aproximação é importante. Além de aumentar as exportações, possibilita a atração de investimentos. Tudo isso gera emprego e renda”, explica o superintendente de Comércio Exterior do Estado, Willian O’Dwyer.

As projeções de mercado indicam que a venda de commodities para os americanos pode avançar nos próximos anos. Embora seja um dos maiores produtores de grãos do mundo, o mercado norte-americano tem abertura para entrada de produtos como complexo de milho, devido à alta demanda industrial.

“É importante que empresários e o governador se apresentem para o maior mercado comprador. Dessa forma as relações podem avançar a curto prazo”, avalia.

Exportações Goiás para EUA

Período US$ FOB
2016* 109.687.658
2015 177.632.397
2014 209.732.089
2013 142.853.373

Importações dos EUA para Goiás 

Período US$ FOB
2016* 272.998.461
2015 448.704.113
2014 608.310.17
2013 677.954.382

*Dados até agosto deste ano

Importações

Outro foco da missão é garantir a transferência de tecnologia e maquinários americanos, a preços competitivos, para agregar maior valor à produção local. Para isso, farão reuniões e rodadas de negócios com produtores. As importações neste ano (janeiro a agosto) já somam 272,9 milhões de dólares. No ano passado, fecharam em 448,7 milhões de dólares. “A importação é importante para tornar nossa produção com maior valor agregado”, destaca.

Segunda fase

Em busca de investimentos para Goiás e visando fortalecer as relações comerciais com os países da América do Norte, o governador iniciou nesta segunda-feira (26/9), a segunda fase da Missão do governo de Goiás no Canadá e nos Estados Unidos.

Nesta semana, Marconi terá uma extensa agenda em Washington D.C. e em Los Angeles com destaque para reuniões com bancos mundiais e seminários seguidos de rodada de negócios com empresários norte-americanos.

Além de divulgar as potencialidades do Estado, essas missões servem para mostrar que Goiás é um Estado viável e preparado para receber investimentos, empreendimentos e parcerias dos mais diferentes segmentos.  A presença do governador Marconi Perillo em rodadas de negócios no exterior fortalece as negociações e aumenta as chances de sucesso em parcerias e captação de investimentos.

Marconi está em Washington D.C. onde, hoje pela manhã, realiza reuniões com representantes do Banco Interativo de Desenvolvimento (BID), com o diretor-executivo pelo Brasil no Banco Mundial, Joaquim Levy, e com o vice-presidente da América Latina e do Caribe, Jorge Familiar. Na terça-feira, 27, ele vai participar de um Seminário de Promoção de Investimentos no Estado de Goiás. Apresentará as potencialidades da economia de Goiás e as possibilidades e vantagens de se investir no Estado.

Em Los Angeles, na quarta-feira (28), ele se encontrará com o presidente da Câmara de Comércio local, com o representante do Porto de Los Angeles e com o presidente do World Trade Center. Encerrando a extensa agenda de reuniões, visitas e seminários da Missão, Marconi vai palestrar, na quinta-feira (29) sobre as potencialidades goianas no Consulado do Brasil em Los Angeles.

Acompanham o governador o secretário estadual de Saúde, Leonardo Vilela; o secretário de Assuntos Internacionais, Isanulfo Cordeiro; o presidente do Sindicato das Indústrias Farmacêuticas no Estado de Goiás (Sindifargo), Heribaldo Egídio; o presidente da Fieg, Pedro Alves; e o presidente do Sindicato da Indústria da Construção, Geração, Transmissão e Distribuição de Energia Elétrica no Estado de Goiás (Sindicel), Célio Eustáquio de Moura.

WASHINGTON DC – 24 A 27/09 – SEGUNDA-FEIRA, 26 DE SETEMBRO DE 2016

Reunião com Diretor-Executivo pelo Brasil BID;
Reunião com Vice-Presidente de Países do BID;
Almoço oferecido pela Diretoria-Executiva pelo Brasil no BID;
Reunião com o Diretor-Executivo pelo Brasil no Banco Mundial;
Reunião com o Vice-Presidente de América Latina e Caribe;
– Delegação Empresarial (agenda paralela)
– Visita técnica a empresa da área de energia
– Visita técnica a empresa da área farmacêutica 

TERÇA-FEIRA, 27 DE SETEMBRO DE 2016

Seminário de Promoção de Investimentos no Estado de Goiás
Reunião com o Embaixador Sérgio Amaral

LOS ANGELES – 24 A 27/09

QUARTA-FEIRA, 28 DE SETEMBRO DE 2016

Encontro com o Presidente da Câmara de Comércio de Los Angeles, e com o Representante do Porto de Los Angeles
Encontro com o Presidente do World Trade Center

QUINTA-FEIRA, 29 DE SETEMBRO DE 2016

Seminário de Promoção de Investimentos no Estado de Goiás
Local: Consulado do Brasil em Los Angeles
9h00 – Abertura do Seminário Empresarial
9h10 – Palestra do Governador Marconi Perillo
9h50 – Sessão de perguntas e respostas
10h00 – Coffee break
10h00 – 11h30 Rodadas de Negócios

 

 

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.