Misael diz que “não cospe no prato que come” e garante: “Vanderlan é o meu candidato em Goiânia”

Prefeito frisa que nunca houve briga entre ele e o aliado político

Foto: Fernando Leite - Jornal Opção

“Tenho um histórico de lealdade. Eu não cuspo no prato que como”, garante prefeito sobre Vandelan | Foto: Fernando Leite – Jornal Opção

Em entrevista ao Jornal Opção Online, o prefeito de Senador Canedo, Misael Oliveira (PDT), garantiu que suposta discussão entre ele e Vanderlan Cardoso (PSB) nunca existiu. “Informação” era de que o embate teria gerado na prefeitura demissões de pessoas do grupo do ex-prefeito. Misael Oliveira sustentou que tudo não passa de “intriga”. “Suely [Arantes, colunista do “Diário da Manhã”] não gosta de mim, não sei por quê.”

O prefeito, citando uma nota da coluna “Fio Direto”, garantiu que a oposição de Senador Canedo manda notas com informações equivocadas, e sempre são publicadas. “Ela [Suely] sempre divulga nota contrária a minha pessoa. Se eu a vi duas vezes na vida foi muito”, disse, alegando que pessoas de Senador Canedo podem estar utilizando o espaço para divulgar mentiras.

O integrante do PDT sustenta que é eternamente grato a Vanderlan por todo o apoio. “Tenho um histórico de lealdade. Eu não cuspo no prato que como”, garante. Para frisar a “gratidão”, Misael assegura que está trabalhando para tentar viabilizar sua reeleição em Senador Canedo — mas, caso não ocorra, quem vai definir o candidato é Vanderlan.

Sem poupar elogios e ainda sobre as eleições municipais de 2016, Misael garante que Goiânia vai avançar 50 anos se tiver um prefeito como Vanderlan. “Somos companheiros, e ele é o meu candidato em Goiânia”, assegurou.

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

CARLOS SOARES

MEU AMIGO MISAEL MAS COMO PODE SER CANDIDATO SÓ DE UMA DENOMINACÃO RELIGIOSA TEM QUE SER E CANDIDATO DO POVO, VANDERLAM CARDOSO NAO GOSTA DE CATOLICOS EU LEMBRO BEM NA CAMPANHA DELE PRA GOVERNO ELE EVITAVA ESTAR PERTO DOS MOVIMENTOS CATOLICOS , ELE SO REPRESENTA EVANGELICOS AI NÃO