Militares da Tailândia anunciam golpe de Estado

Foto: AP

Foto: AP

O comandante do exército da Tailândia, Prayuth Chan-Ocha, anunciou em pronunciamento na TV nesta quinta-feira (22/5) que está tomando o controle do governo para restaurar a ordem e promover reforma políticas no país. O golpe militar aconteceu dois dias após a declaração da Lei Marcial. Depois do anúncio, o chefe do exército pediu que a população permanecesse calma e que continuasse com seus afazeres diários.

O país sofria com uma crise política há mais de oito meses, com diversos protestos antigovernamentais. O comandante afirmou que a tomada de poder não afetaria as relações internacionais.

O exército anunciou, em seguida, que estava enviando tropas para retirar os manifestantes das ruas. “Nós vamos enviar tropas e veículos para ajudar os manifestantes a deixar todos os locais de protesto”, disse o general Teerachai Nakwanit, primeiro comandante regional do Exército, à equipe da agência de notícia Reuters.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.