A troca do comando na Secretaria de Economia Criativa (Sedec) da Prefeitura de Goiânia não é mais tida como certa nos bastidores da política goianiense. A articulação, que visava garantir mais espaço para o partido de Rogério Cruz e para o secretário de Governo Jovair Arantes, tiraria a administração da pasta das mãos de Diogo Franco.

Leia também: Reforma administrativa: saiba quem são os novos secretários de Goiânia

A possibilidade de troca na Sedec se fortaleceu com o embate dos vereadores do grupo Vanguarda, liderado por Igor Franco, com o presidente da Câmara dos Vereadores Romário Policarpo.

O pedido por mais espaço na gestão de Rogério Cruz intensificou após a reforma do secretariado que teria deixado a legenda a ver navios. O pedido foi inclusive reforçado pelo marketeiro Jorcelino Braga, que teme o desembarque da legenda da gestão.

Essa insatisfação com o espaço do Republicanos na gestão chegou a provocar rumores sobre a saída de Jorcelino, mas foi negada por Policarpo.

Leia também: Policarpo nega que Braga esteja de saída do GAP; grupo se reúne sexta

A reportagem tentou contato com o presidente do Republicanos em Goiás e prefeito de Anápolis, Roberto Naves, que está em viagem para os Emirados Árabes Unidos e não atendeu às ligações.

Presidente do Republicanos em Goiânia, Sabrina Garcez diz aguardar o retorno de Naves para avaliar o cenário.

Leia também: Republicanos aguarda definição de reforma administrativa de Cruz

Algumas questões ainda precisam ser respondidas. Se realmente a pasta for mantida no comando de Franco, como Rogério vai abrigar o Republicanos? Que outra pasta pode ser oferecida?

Às vésperas das eleições de 2024, o Grupo de Apoio ao Prefeito (GAP) tem se articulado para fortalecer seus projetos em busca de mais cadeiras na Câmara. O foco das trocas, segundo os Bastidores, estão focados na Secretaria de Desenvolvimento Humano e Social (SEDS), ocupada por Maria Yvelonia. A Secretaria da Mulher também está no radar do grupo.

O que mudou na última reforma

  • Valdery Júnior (Patriota) deixa a Agência Municipal de Turismo, Eventos e Lazer (Agetul) para assumir a Secretaria Municipal de Administração (Semad);
  • Danilo Guimarães (PDT) na Agetul;
  • Kátia Hyodo, que é servidora efetiva, assume a Secretaria da Mulher de forma interina;
  • Marcelo Marques Teixeira no Instituto Municipal de Assistência à Saúde dos Servidores de Goiânia (IMAS);
  • José Carlos Issy entra na Procuradoria do Município;
  • Michel Magul no Escritório de Prioridades Estratégicas.

Leia também:

Republicanos aguarda definição de reforma administrativa de Cruz