Marconi Perillo: “Vamos continuar priorizando investimentos na Cultura”

Em solenidade, o governador premiou 27 personalidades de destaque cultural em Goiás e assegurou que irá manter a política de valorização da área nos próximos anos

Foto: Humberto Silva

Foto: Humberto Silva

O governador Marconi Perillo (PSDB) disse na noite da última segunda-feira (16/11) que intensificará os investimentos na Cultura em Goiás e que irá manter a política de valorização da área nos próximos três anos de gestão. “Quero assegurar a todos que vamos continuar priorizando e com mais ênfase os próximos três anos”, afirmou.

A declaração foi dada durante solenidade de entrega do Troféu Jaburu, de Medalhas do Mérito Cultural e de Diplomas de Mérito Cultural a artistas que se destacaram no Estado em 2015. Na ocasião, o tucano assegurou que sempre dedicou atenção especial ao setor. “Estamos conscientes do valor e da importância da Cultura para nosso Estado e para o País. Foi assim em todos os outros governos e não será diferente neste”, frisou.

Na última semana, o governo de Goiás anunciou o cancelamento de dois festivais culturais do Estado: a Mostra de Teatro Nacional de Porangatu (TeNpo) e o festival Canto da Primavera, em Pirenópolis. Em nota, o governo informou que a decisão foi tomada justamente por causa da crise pela qual o País passa, fazendo necessário os reajustes financeiros no Estado.

Durante a solenidade, no Centro Cultural Oscar Niemeyer, o governador lamentou o momento de crise, mas garantiu que voltará a garantir os recursos para a Cultura. “Espero que possamos fazer mais ainda pela área. Esse ano foi um ano difícil, um ano de ajustes, um ano de crise para o País, e não dava para ser diferente em aqui. Goiás se diferencia economicamente dos outros estados, mas nós não vivemos em uma ilha. Por isso, todos tivemos de dar a nossa cota de sacrifício.”

O troféu
Foto: Humberto Silva

Foto: Humberto Silva

O artista plástico Elder Rocha Lima foi o agraciado com o Troféu Jaburu este ano. Além da premiação principal, a solenidade realizou a entrega de seis Medalhas e 20 Diplomas de Mérito Cultural.

Marconi destacou a relevância do Troféu Jaburu, frisando ser o mais importante prêmio cultural do Estado. “É uma premiação feita como forma de estimular todos os movimentos que têm como o objetivo manter a nossa história, os nossos valores, enfim, agitar culturalmente um Estado como o nosso”, ressaltou.

O Troféu Jaburu foi criado por lei no fim da década de 1970 e entregue pela primeira vez a Cora Coralina, em 1980. Ele é considerado a mais distinta comenda que o Governo de Goiás concede aos nomes da cultura goiana. A escolha dos agraciados ocorre em reunião aberta realizada pelo Conselho Estadual de Cultura, sempre no mês de novembro, e é feita a partir do voto dos conselheiros.

Entre as autoridades presentes, estavam os secretários José Carlos Siqueira (Casa Civil), Ana Carla Abrão (Sefaz), Raquel Teixeira (Seduce); a presidente do Conselho Estadual de Cultura, Nancy Ribeiro; o superintendente de Cultura, Nasr Chaul; o gestor-chefe de centro cultural, Lisandro Nogueira; deputados estaduais e vereadores.

Veja abaixo a relação dos homenageados:

Troféu Jaburu

Artista plástico Elder Rocha Lima

Medalha de Mérito Cultural

-Ademir Luiz da Silva – Letras
-Almir Pereira de Amorim – Artes Cênicas
-Divino Sobral – Artes Plásticas
-Edilberto da Veiga Jardim Filho – Música
-Lázaro Ribeiro – Audiovisual – Ganhador do FICA 2015 com o filme “Maria Macaca”
-Mestre Sabu – Manoel Pio Sales – Patrimônio Cultural Imaterial

Diploma de Destaque Cultural do Ano

-Ana Flávia Frazão – Música
-Barracão Cultural – Marcelo Fecunde/Ângelo Machado/Silvana Amaral – Itaberaí
-Bianca Almeida – Regente do Coral Espírita Vida e Luz
-Cleubismar de Jesus – Mano CDJ
-Conselho Municipal de Política Cultural de Goianira – Luciano Roriz Ribeiro
-Convento Dominicano de Nossa Senhora do Rosário – Cidade de Goiás – Frei Paulo Sérgio Cantanheide Ferreira
-Estércio Marquez Cunha – Música
-Fernando Alves Rocha – Grupo Sonhus Teatro Ritual
-Festival Fronteira – Marcela Aguiar Borela
-Floriano Freitas Filho – Letras
-Ilídio Guimarães Teles e Moredson Nogueira Teles – Cantores Sertanejos
-Marcela Aguiar Borela – Festival Fronteira
-Marcelo de Albuquerque Mello – Curta Mais
-Missionários Redentoristas do Santuário de Trindade – Padre Robson de Oliveira
-Monique Avena – Letras
-Orlando Ferreira de Castro – História da Educação
-Padre Agnaldo Divino Gonzaga – Arte Popular/Itaguari
-Paulo Henrique Silva – Artes Visuais
-Rafael Guarato dos Santos e Marília Annibelli Velozo – Artes Cênicas
-Raimundo Nonato Coelho – Artes Visuais
-Valda de Almeida e Maristela Cunha – Oiteto Musical

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.