Maioria no TJ-SP vota a favor do decreto de falência da Avianca Brasil

Companhia aérea estava em recuperação judicial desde dezembro de 2018. O julgamento, no entanto, só chega ao fim em 27 de agosto

Nesta segunda-feira, 29, a maioria dos desembargadores da 2ª Câmara Reservada de Direito Empresarial do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) votou a favor do decreto de falência da Avianca Brasil. 

A companhia aérea estava em recuperação judicial desde dezembro de 2018. O julgamento, no entanto, só chega ao fim em 27 de agosto. Até lá, os magistrados podem mudar o voto.

Os juízes Ricardo Negrão, Sérgio Shimura e José Araldo Telles votaram favoráveis à falência. Mauricio Pessoa foi o único a votar contra e Paulo Roberto Brazil estava impedido de votar.

O julgamento é sobre o pedido da Swissport, que é uma das credoras da Avianca, pela anulação do plano de recuperação judicial da companhia. Para a empresa, o leilão dos slots é ilegal.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.