Leilão da Celg T será realizado nesta quinta-feira, 14, por preço mínimo de R$ 1,1 bilhão

O leilão da empresa será realizado por meio de lote único e terá como critério de julgamento a seleção da proposta de maior valor

O leilão da Celg Transmissão (Celg T) será realizado nesta quinta-feira, 14, a partir das 14 horas, na sede da B3, em São Paulo. A privatização da companhia é resultado da cisão da Celg GT (Geração e Transmissão) e acontece cinco anos após a antiga distribuidora – Celg D ser comprada pela multinacional italiana Enel. 

O ativo terá 100% de suas ações alienadas pelo preço mínimo de R$ 1,1 bilhão. Controlada pela CelgPar, do governo de Goiás, a Celg T detém três concessionárias de transmissão. Ao todo, conta com 755 quilômetros de linhas e 12 subestações próprias, que representam uma receita anual permitida (RAP) de aproximadamente R$ 216,4 milhões.

O leilão da empresa será realizado por meio de lote único e terá como critério de julgamento a seleção da proposta de maior valor. A transferência do controle acionário da empresa é precedida da aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE) e da anuência da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL).

O edital da privatização da Celg T foi publicado no dia 30 de julho. O período para manifestação de interesse e entrega de documentos vigorou até 7 de outubro. O governo já tentou vender a subsidiária em maio. O leilão, porém, foi adiado a pedido dos investidores e acionistas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.