Justiça concede liminar para suspender eleição da chapa de Daniel Vilela no MDB Goiás

A liminar foi solicitada pelo deputado estadual Paulo Cezar Martins

Uma decisão do desembargador Itamar de Lima, do Tribunal de Justiça de Goiás suspende nesta sexta-feira, 18, a eleição da chapa de Daniel Vilela ao diretório estadual do MDB. Até as 14h desta sexta-feira, 18, o partido ainda não havia sido notificado. A votação, por enquanto, segue normalmente. Ao todo são 146 votantes.

A liminar foi solicitada pelo deputado estadual Paulo Cezar Martins, que tenta na Justiça registrar chapa para disputa pelo comando do MDB Goiás com a bandeira do partido lançar candidato ao governo no próximo ano.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.