José Nelto vai ao MPGO contra diretor do Detran e órgão responde: “Estamos tranquilos”

Conforme parlamentar, o diretor teria feito um aditivo de R$ 7,8 milhões em contrato, que teria ultrapassando 50% do valor original

O deputado estadual José Nelto (PMDB) protocolou nesta segunda-feira (16/3), uma representação contra o diretor do Departamento Estadual de Trânsito de Goiás (Detran-GO), João Furtado, por um contrato com a empresa “Search”, responsável pelo sistema de informática do órgão. Conforme o parlamentar, o diretor teria feito um aditivo de R$ 7,8 milhões em contrato, que teria ultrapassando 50% do valor original.

A denúncia foi feita à promotora Leila Maria de Oliveira, cuja assessoria disse ao Jornal Opção Online que ainda não tinha acesso aos documentos. A assistência pôde confirmar apenas que a ação foi levada pelo deputado, e que o motivo seria o contrato ter ultrapassando a porcentagem supracitada.

À reportagem, José Nelto acusou João Furtado de lavagem de dinheiro em prol das campanhas governamentais de 2014.

O Departamento Estadual de Trânsito de Goiás (Detran-GO) informou em nota que assim que for notificado irá se pronunciar. “Mas estamos tranquilos pois tudo é regular e de acordo com a lei”, garantiu.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.