Iniciativa privada deverá administrar hospitais de campanha no RJ

Governador Witzel informou decisão para representantes do Iabas e vai consultar procurador-geral sobre melhores formas de encaminhamento jurídico da questão

Foto: Reprodução.

Nesta sexta-feira, 29, o governo do Rio de Janeiro anunciou a intenção de passar a administração dos hospitais de campanha do estado para um consórcio privado. O Instituto de Atenção Básica e Avançada à Saúde (Iabas), responsável pela construção e gerência de todos os hospitais, ficaria apenas com o do Maracanã.

A decisão foi informada pelo governador Wilson Witzel em reunião com os representantes do Iabas. Na próxima segunda-feira, 1, o procurador-geral do estado, Marcelo Lopes, será consultado sobre formas jurídicas para melhor encaminhamento da mudança.

“Chamamos o Iabas para que eles cedam as unidades a um grupo de empresários e possamos dar continuidade às operações. É mais eficiente colocar cada hospital sob responsabilidade de um grupo empresarial, porque são pessoas experientes em gestão hospitalar, são empresários do ramo”, disse Fernando Ferry em nota.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.