Impedidos de entrar em festa, suspeitos de chacina voltaram para matar segurança

Três suspeitos chegaram ao local onde era realizada a festa, e como já estava sendo finalizada, foram impedidos de entrar. Em seguida, o trio voltou e praticou o crime

A chacina que vitimou três pessoas no último domingo (28), em uma festa na Chácara Himalaia, em Aparecida de Goiânia, foi motivada pelo impedimento dos suspeitos de entrarem no local. Segundo informações do delegado Klayter Camilo, responsável pelo caso, os homens teriam sido proibidos de entrar na casa pelo segurança, e teriam voltado cerca de 30 minutos depois para matá-lo, mas ele já não estava no local.

O delegado confirma que ainda não foi feita a identificação dos suspeitos. “Iremos intimar formalmente as testemunhas, e após colher os depoimentos, será mais fácil identificar os envolvidos e localizá-los”, disse. Ainda segundo, Klayter, a identidade do segurança também ainda não foi descoberta.

Conforme explicou o delegado, até o momento sabe-se que os três suspeitos chegaram ao local onde era realizada a festa, e como já estava sendo finalizada, foram impedidos de entrar. Em seguida, os homens, que estavam em um carro, voltaram: “Os três desceram do carro, sendo que dois deles estavam armados. Então, como não encontraram o segurança, dispararam contra os presentes”. A chácara onde ocorreu o crime era usada como uma casa para eventos.

O crime ocorreu na madrugada de domingo (28), por volta das 4h, quando a festa já havia acabado. Algumas pessoas estavam inclusive fazendo a limpeza do local. Os disparos efetuados por dois dos três suspeitos atingiram e mataram Anderson Silva Lopes, de 29 anos, um dos organizadores da festa; Adriane Conceição Felipe, 26 anos; e Windson Júlio de Sousa, de 23.

Augusto da Silva, de 21 anos, e Jeferson Pereira Caixeta também foram atingidos. O primeiro foi encaminhado para o Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo), onde permanece em estado grave e respirando com a ajuda de aparelhos. Já Jeferson foi levado para o Hospital de Urgências de Aparecida de Goiânia (Huapa),  e recebeu alta por volta das 13h de domingo.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.