Homem invade filmagem de propaganda, diz que é Jesus e afirma que o inferno está cheio de publicitários

Em gravação, senhor afirma que Deus abomina os gays e culpa os profissionais da publicidade por disseminarem a homossexualidade

O vídeo de um homem esbravejando durante a gravação de um comercial ganhou as redes sociais nesta semana. Os alvos do homem, que ainda não foi identificado, são a comunidade LGBT e os profissionais de publicidade. A gravação foi compartilhada na web pelo maquiador Jimmy Paladino, que participava da equipe de produção da peça publicitária.

No vídeo, o senhor, que passeava com um cachorro no local que parece ser uma praça, cita a propaganda do Boticário e afirma que os publicitários estão prestando um “desserviço” para a população. “Malditos publicitários! Vocês, com suas tendências, estão levando porcariada aos nossos lares. Vão se arrepender. O inferno está cheio de publicitários”, afirmou.

O homem ainda disse que se chama Jesus e, em outro momento, que é sobrinho-neto do presidente da República. “Mulher com mulher, homem com homem. Você acha legal isso?”, questionou.

Ele disse também que o grupo estava tirando seu direito de ir e vir, e que seu cachorro não poderia mais passear no local, e muda o foco de suas reclamações. “Eu não dei licença para a Prefeitura. P***, sou um cidadão brasileiro. Até quando a gente vai aguentar esse País de merda? Vocês são responsáveis sim, porque vocês votaram. Vocês são publicitários.”

O personagem principal do vídeo continua a gritar, dizendo que Deus abomina “homem com homem” e que todos irão para o Inferno. “Vocês vão conhecer a mão pesada de Deus. A humanidade já foi longe demais com tudo isso.”

Ao final, um outro homem que estava no local diz que “acabou” e que precisam trabalhar, ao que o homem com declarações homofóbicas diz que não pretendia atrapalhar, apenas avisá-los. “O inferno está cheio de publicitários”, repetiu.

Estou REVOLTADO!!!!!!!, estava no meio de uma gravação de comercial de uma marca para qual estava trabalhando como maquiador hoje, junto com a blogueira Nah cardoso… E esse LOUCO HOMOFÓBICO invadiu a gravação completamente DESCONTROLADO!!!!

Posted by Jimmy Paladino on Quinta, 18 de junho de 2015

7 respostas para “Homem invade filmagem de propaganda, diz que é Jesus e afirma que o inferno está cheio de publicitários”

  1. Epaminondas disse:

    O sujeito deve ser Jesus mesmo. Afinal, confirmou uma coisa que todo mundo sabe: Publicitário vão todos para o inferno.

  2. Carlos Spindula disse:

    Uai …Agora expressar sua opinião é ser “Homofóbico” ? Qualquer expressão que tivermos é “cultura de ódio” ? Não posso ter minha opinião, não existe liberdade de opinião ?

  3. Raquel disse:

    Parabéns a este senhor

  4. Gabriela disse:

    Parabéns a esse cidadão, tem o apoio da maioria dos brasileiros, e a critica dã minoria, não ey homofobia, é indignação, de um entre milhões!!! Não a homofobia, (agressão física ou palavras ofensivas) Sim, a família realmente constituída, homem e mulher!!! Não sou homofóbico, sou contra a qual quer tipo de agressão, mas, temos valores! Quando afirma ser jesus, e visivel sua ironia! Parabéns ao senhor!

  5. Fábio disse:

    (QUAL A SUA VERDADE?…A Biblia. Qual biblia, quem a escreveu, quem a traduziu?) Vamos estudar um pouco mais…

    Por isso acredito que não temos a condição de andarmos armados. Já imaginou um lunático desses com uma arma nas mãos, tudo em nome de uma religião que ele acredita cegamente, que interpreta ou melhor se utiliza de passagens para fazer uma limpeza cerebral e doutrinaria. Tem gente até que mata em nome de Deus e a história nos mostra isso. É nisso que dá. A Bíblia se transforma, mas uma coisa não muda: cada pessoa, ou grupo de pessoas, a interpreta de uma maneira diferente – às vezes, com propósitos equivocados. Em pleno século 21, pastores fundamentalistas tentam proibir o ensino da Teoria da Evolução nas escolas dos EUA, sendo que a própria Igreja aceita as teorias de Darwin desde a década de 1950. Líderes como o pastor Jerry Falwell defendem o retorno da escravidão e o apedrejamento de adúlteros, e no Oriente Médio rabinos extremistas usam trechos da Torá para justificar a ocupação de terras árabes. Por quê? Porque está na Bíblia, dizem os radicais. Não é nada disso. Hoje, os principais estudiosos afirmam que a Bíblia não deve ser lida como um manual de regras literais – e sim como o relato da jornada, tortuosa e cheia de percalços, do ser humano em busca de Deus. Porque esse é, afinal, o verdadeiro sentido dessa árvore de histórias regada há 3 mil anos por centenas de mãos, cabeças e corações humanos: a crença num sentido transcendente da existência.

  6. JOAQUIM AUGUSTO ROLAND TODESCANConcordo com este s disse:

    Concordo com este sehor, tenho filhos e netos e sou feliz com com minha família. E para vc constituir uma família alem do amor tem que existir o sexo masculino e femenino. Pessoas do mesmo sexo não procriam e não vão constituir nenhuma família.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.