Grécia não vai pagar dívida ao FMI hoje, diz ministro

Prazo para pagamento vence nesta terça-feira (30). Também vence hoje prazo para o país receber ajuda financeira da zona do euro, necessária para evitar possível calote

O ministro da Fazenda grego, Yanis Varoufakis, confirmou nesta terça-feira (30/6) que a Grécia não vai reembolsar o empréstimo de cerca de 1,6 bilhão de euros ao Fundo Monetário Internacional (FMI). Questionado por jornalistas se o país faria o pagamento, ele respondeu: “Não”, antes de entrar no ministério.

Anteriormente, a ministra-adjunta da Fazenda na Grécia, Nadia Valavani, havia dito que Atenas não pagaria a dívida a não ser que fosse encontrada uma solução de última hora. Segundo ela, o pagamento ainda seria possível se o país conseguisse acesso aos 1,8 bilhões de euros de rendimentos de títulos de dívida gregos de 2014 que estão nas mãos do Banco Central Europeu.

O prazo para a Grécia pagar uma parcela de 1,6 bilhão de euros de sua dívida com o FMI vence hoje. Também vence nesta terça-feira o prazo para o país receber ajuda financeira da zona do euro, necessária para evitar um possível calote. Sem essa ajuda, o país não conseguirá pagar a dívida e entrará em situação de calote.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.