Governadores do DF e TO estão entre os convocados para depor na CPI da Pandemia

CPI ainda aprovou a reconvocação do ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello e do atual comandante da pasta, Marcelo Queiroga

Comissão Parlamentar de Inquérito da Pandemia realiza reunião deliberativa para apreciação de requerimentos. Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado



A CPI da pandemia aprovou nesta quarta-feira, 26, a convocação de nove governadores e um ex-governador para prestarem depoimento na Comissão. Aprovou, ainda,  a reconvocação do atual ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, do ex-chefe da pasta, Eduardo Pazuello, de Arthur Weintraub e Filipe Martins, que são ex-assessores da Presidência da República, e do empresário Carlos Wizard, suspeitos de integrar gabinete paralelo de aconselhamento sobre a pandemia.

O ex-governador convocado é Wilson Witzel, do Rio de Janeiro, que sofreu impeachment neste ano. A convocação de governadores é um pedido dos senadores governistas na CPI. Eles alegam que deve haver investigação sobre supostos casos de corrupção nos estados envolvendo recursos destinados ao combate à pandemia da Covid-19.

Foi aprovado também requerimentos com pedidos de informação ao Conselho Federal de Medicina, ao laboratório Sinovac, à empresa Wuxi Biologics, subcontratada pela AstraZeneca. Além disso, foram convidados especialistas contra e a favor do uso da Cloroquina para discutir o assunto em duas sessões.

Estão entre os convocados os governadores do Distrito Federal e do Tocantins, veja a lista com os nomes:

– Wilson Lima, do Amazonas

– Ibaneis Rocha, do Distrito Federal

– Waldez Góes, do Amapá

– Helder Barbalho, do Pará

– Marcos Rocha, de Rondônia

– Antonio Denarium, de Roraima

– Carlos Moisés, de Santa Catarina

– Mauro Carlesse, de Tocantins

– Wellington Dias, do Piauí

Com informações do portal G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.