Benefício foi criado para amenizar o impacto econômico causado pela pandemia da Covid-19 ao setor cultural

Governador Ronaldo Caiado (DEM) em Orizona | Fotos: Ascom

O governador Ronaldo Caiado (DEM) anuncia nesta segunda-feira, 5, às 9h, a destinação de recursos da Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc em Goiás. Ao todo, o estado conta com R$ 98,2 milhões para serem repassados aos trabalhadores do setor. Detalhes sobre a efetivação do auxílio serão informados durante o evento.

O benefício foi criado para amenizar o impacto econômico causado pela pandemia da Covid-19 ao setor cultural, um dos mais afetados com as restrições de isolamento social.

Ao todo, por meio da Lei Aldir Blanc, serão destinados R$ 3 bilhões para Estados, municípios e Distrito Federal na forma de benefício aos trabalhadores culturais.

Em Goiás, a avaliação dos dados cadastrais e a seleção de quem atende às determinações da lei serão realizadas por uma equipe da Secretaria de Estado de Cultura (Secult).

Os trabalhadores informais da área contemplados pelo benefício vão receber auxílio de R$ 600, por três meses.

Para pleitear o auxílio, os profissionais devem, obrigatoriamente, se cadastrar no Mapa Goiano, que está no ar desde a última segunda-feira (28/10), no site da Secult.