Garotinho recebe alta e segue para prisão domiciliar

Ex-governador estava internado no Hospital Quinta D’Or, onde foi submetido a procedimento de cateterismo depois de passar mal quando foi preso

O ex-governador do Rio de Janeiro Anthony Garotinho recebeu alta nesta terça-feira (22/11) do Hospital Quinta D’Or, na zona norte da cidade. Garotinho estava internado na unidade desde sábado (19). No domingo (20), ele foi submetido a um procedimento de cateterismo.

O ex-governador teve prisão decretada pelo Juízo da 100ª Zona Eleitoral, de Campos dos Goytacazes, no norte do estado. Ele é acusado de usar o programa social municipal Cheque Cidadão para comprar votos na eleição daquele município.

Garotinho foi preso no último dia 16 pela Polícia Federal. No mesmo dia, ele sentiu-se mal e foi internado no Hospital Municipal Souza Aguiar. No dia seguinte, a Polícia Federal decidiu transferi-lo para o hospital penal do Complexo Penitenciário de Bangu.

No sábado, o Tribunal Superior Eleitoral autorizou a prisão domiciliar de Garotinho e ele pôde ser transferido para o Quinta D’Or. De acordo com a defesa do ex-governador, ele ficará preso em sua casa, no Rio de Janeiro, com escolta policial.

Anthony Garotinho foi exonerado na segunda-feira (21) do cargo de secretário municipal de Governo de Campos. O decreto publicado pela prefeita Rosinha Garotinho, mulher do ex-governador, diz que ele está deixando o cargo por orientação médica.

Deixe um comentário