Família é tema de estreias no Cine Cultura

Entram em cartaz Boas Maneiras, dos diretores Juliana Rojas e Marco Dutra, e Benzinho, de Gustavo Pizzi. Lançamentos, mostras e debates estão na programação da sala

Atriz Marjorie Estiano vive a enfermeira Clara no filme As Boas Maneiras conta a história de Clara | Foto: Divulgação

Dois longas-metragens nacionais estreiam no Cine Cultura nesta quinta-feira, 30/8, As Boas Maneiras, dos diretores Juliana Rojas e Marco Dutra, e Benzinho, de Gustavo Pizzi . Também na quinta, será lançada a produção goiana Passos da Tradição, com direção de Carlos Cipriano e Carminha Lombardi, em sessão gratuita, seguida por um debate com os realizadores.

Antes das estreias, na quarta-feira, 29/8, o Cine Cultura fará uma sessão gratuita, às 14 horas, do filme Os Lírios Não Murcham, primeiro longa do diretor Julio Motta, que tem como uma de suas atrizes a servidora aposentada do Ministério da Saúde, Zorade Bastos. Em seguida, haverá roda de conversa com o diretor do filme e elenco, com a participação da psicóloga Edleine Slobodeicov. A atividade é parte da oficina de Memória realizada mensalmente pelo sindicato do Ministério da Saúde.

E seguem em cartaz na sala a produção russa Tesnota, da cineasta Kantemir Balagov, e o documentário brasileiro Ser Tão Velho Cerrado, de André D’Elia.

Já no sábado, 01/9, será realizada mais uma sessão da Mostra Permanente de Curtas, promovida pela distribuidora kinoptera. A mostra é composta por três curtas brasileiros e tem entrada gratuita.

Dramas

Protagonizado pela atriz Marjorie Estiano, o filme As Boas Maneiras conta a história de Clara, uma enfermeira que vive sozinha na periferia da cidade de São Paulo e é contratada por Ana, uma mulher rica e misteriosa, para ser babá de seu futuro filho. Em um dia de lua cheia tudo muda na vida das duas mulheres.

O roteiro do longa Benzinho mostra o dilema de Irene, que mora com o marido e os filhos e que se desdobra em terminar seus estudos e seus afazeres. No desenrolar da trama, o filho primogênito de Irene é convidado para jogar Handboll na Alemanha e aos poucos a mãe terá que superar a ansiedade e conseguir mandar seu filho para o mundo.

Sessões extras

O longa Os Lírios Não Murcham, que será exibido na quarta-feira, 29/8, às 14 horas, se passa no interior de Goiás e traz como personagens uma miss que é amante de um militante e que acaba sendo presa junto com ele durante a ditadura militar. Após anos, ela ganha liberdade, graças à anistia política, mas já sai velha e louca. O enredo consiste em devaneios que acontecem apenas na cabeça dela.

A produção goiana Passos Da Tradição, que será lançado na quinta-feira, 30/8, gira em torno da trajetória do escritor e memorialista goiano Elder Camargo de Passos. A Mostra Permanente de Curtas será exibida no sábado, 01/9, às 15 horas, é uma iniciativa que vem sendo realizada toda semana, sempre aos sábados, com sessões de curtas-metragens.

O Cine Cultura é uma unidade da Secretaria de Educação, Cultura e Esporte (Seduce) e funciona no prédio do Centro Cultural Marietta Telles Machado, na Praça Cívica, Centro.

Confira a programação de 30/8 a 01/09

– 14h00: Ser Tão Velho Cerrado (exceto nos dias 29/8 e 01/9)

– 16h00: As Boas Maneiras (todos os dias)

– 18h45: Tesnota (exceto dia 30/8)

– 21h00: Benzinho (todos os dias)

Ingressos: R$ 8 (inteira) e R$ 4 (meia).

Sessões extras

Dia 29/8, quarta-feira, 14h – Os Lírios Não Murcham – Público-alvo: Aposentados e funcionários do INSS e Ministério da Saúde

Dia 30/8, quinta-feira, às 18h30 – Lançamento do filme Passos da Tradição

Sábado, 01/9, às 15h – Mostra Permanente de Curtas

Entrada gratuita

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.