Enil Henrique lança Portal da Transparência e exalta lisura da OAB-GO

Projeto de criação da nova ferramenta foi apresentado pelo conselheiro seccional Murillo Lôbo e aprovada em novembro do ano passado 

Presidente da OAB-GO, Enil Henrique discursa durante cerimônia de lançamento do Portal da Transparência | Foto: Leo Iran

Presidente da OAB-GO, Enil Henrique discursa durante cerimônia de lançamento do Portal da Transparência | Foto: Leo Iran

A Ordem dos Advogados do Brasil – Seção de Goiás (OAB-GO) apresentou, na manhã desta segunda-feira (30/3), aos conselheiros da seccional e à imprensa o Portal OAB Transparência. Disponibilizada no site do órgão, a nova ferramenta possibilita o acompanhamento direto das informações contábeis, fiscais, financeiras e patrimoniais da Ordem.

O portal foi elaborado após requerimento emitido pelo conselheiro seccional Murillo Lôbo em outubro do ano passado. O advogado questionava os modelos de prestação de contas adotados até então pela OAB-GO. Conforme o documento, que teve como relator o advogado Dyogo Crossara, a atenção dada pela seccional à publicidade e à transparência era insuficiente.

Em entrevista coletiva nesta segunda-feira, o presidente da seccional goiana, Enil Henrique de Souza Filho, lembrou que a Ordem, por ser um órgão com personalidade jurídica própria, não necessariamente deve seguir os parâmetros adotados pela Lei de Acesso à Informação e pela Lei da Transparência. “Mas como guardiães da Constituição Federal, a OAB-GO entende que não pode se furtar à adoção da transparência e da publicidade de suas contas”, sustentou.

Foto: Leo Iran

Foto: Leo Iran

De acordo com o secretário adjunto geral da OAB-GO, Otávio Forte, o novo portal transforma a linguagem técnica da contabilidade em uma linguagem de fácil compreensão, tanto para os advogados quanto para a sociedade. “Agora, qualquer um pode solicitar informações, esclarecimentos e documentos, e, em um prazo de 20 dias, terá sua solicitação respondida”, contou.

As contas disponíveis para consulta no portal são referentes ao período entre 2009 e 2013. Além da prestação de contas, a nova ferramenta também disponibiliza as atas das sessões do conselho seccional desde o ano de 2012.

Lembrando que essa é uma iniciativa importante, que chega em um momento em que a categoria e a sociedade clamam por isso, o presidente da Ordem em Goiás adianta que a intenção é de que o portal seja constantemente aprimorado. “Tivemos acessos aos outros portais das seccionais da OAB e também de outros órgãos. É importante lembrar que a aprovação desse processo aqui no Conselho se deu já na penúltima sessão do ano passado. O portal foi construído em tempo recorde e no prazo estipulado de 45 dias”, destacou Enil Henrique. 

Deixe um comentário