Em áudio vazado, PC Siqueira confessa episódio de pedofilia

Voz supostamente do youtuber diz que a solução é se matar, pois seria uma situação muito complexa

Youtuber PC Siqueira | Foto: Reprodução

Em áudio vazado na sexta-feira, 12, voz atribuída ao youtuber PC Siqueira confirma episódio em que teria recebido e divulgado foto com menina de 6 anos. Colegas de PC lamentam o fato e canal Ilha do Barbados retira vídeos em que ele participava.

O áudio foi publicado pelo jornalista Erlan Bastos no Twitter. No trecho publicado, voz parecida com a de PC Siqueira diz que “há traços de pedofilia” e que já havia falado sobre isso com o psiquiatra.

“Eu devo ter traços disso [pedofilia] porque eu olhei uma bunda de uma menina e no meio de uma situação de sexo virtual me deixou, anh… aroused [excitado]… já falei sobre meu psiquiatra sobre isso”, diz a voz. “A situação é muito mais complexa do que exposed [exposição em forma de denúncia] de Twitter”, diz.

Ele ainda diz que pretende se matar e que não sabe o dia certo de dar início à uma overdose.

Colegas

O youtuber Felipe Neto comentou o caso no Twitter. Ele diz ser “uma das piores coisas” que viu na vida. Além disso, postou que espera, do fundo do coração, que “a mãe dessa criança seja entregue às autoridades e que essa menina seja retirada dessa situação de absoluto abuso. Espero q a justiça seja feita, de todos os lados. Essa é uma das piores coisas q já vi na minha vida. Boa noite”.

Cauê Moura, com quem PC Siqueira mantem o canal de Youtube “Ilha dos Barbados”, também se manifestou no Twitter. Na mensagem, ele diz que ficou em silêncio, mas que o benefício da dúvida havia acabado [após divulgação do áudio]. “Que todos os envolvidos sejam submetidos à lei. que essa criança seja salva com urgência”, diz a postagem.

Rafinha Bastos, outro companheiro de PC no programa Ilha dos Barbados, diz que foi pego de surpresa. Na postagem, do dia 11, antes da divulgação do áudio, portanto, ele diz ainda esperar a manifestação do colega supostamente envolvido no crime. Depois ele reproduziu a mensagem de Cauê. O programa foi retirado do ar.

O caso

Um exposed, nome dado a denúncia por meio de exposição pública, foi publicado no Twitter em que aparece um chat em que supostamente PC Siqueira diz a um amigo que recebeu fotos de um criança de 6 anos, filha de uma mulher com quem se relacionava. No chat, PC ainda teria enviado a foto para o amigo.

Depois do episódio de exposição, PC Siqueira se pronunciou negando o fato e se dizendo vítima de armação. Ele diz se tratar de montagens.

A Polícia Civil investiga o caso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.