Deputado solicita abertura de comércio em cidades sem Covid-19

No requerimento enviado ao governo, deputado Wagner Neto cita medidas que devem ser adotadas em caso de flexibilização, como distância mínima de dois metros e uso de máscaras, entre outros

Deputado estadual Wagner Neto (Pros) | Foto: Ascom

Matéria apresentada pelo deputado estadual Wagner Neto (Pros), apresentada em sessão online da Assembleia Legislativa nesta terça-feira, 14, solicita que o governo de Goiás transfira para as prefeituras de municípios sem casos confirmados de Covid-19 a decisão de flexibilizar o funcionamento do comércio.

Caso acatada a sugestão, a medida passaria a valer a partir do dia 20 de abril, quando vence o atual decreto do governo relacionado à quarentena. No requerimento enviado ao governo, Wagner cita como medidas que devem ser adotadas em caso de flexibilização a manutenção da distância mínima de dois metros entre os frequentadores, o uso de máscaras e a disponibilização de álcool em gel para os clientes.

Segundo o parlamentar, as prefeituras estão mais próximas do atendimento primário da saúde e dos comércios em cada município, por isso teriam maior condição de avaliar a situação caso a caso. As prefeituras ficariam, segundo a proposta, com a responsabilidade de fiscalizar a abertura do comércio de acordo com as normas estipuladas pela Organização Mundial de Saúde e do Ministério da Saúde.

O deputado lembra que nas pequenas cidades o fluxo nos comércios é pequeno, o que dificultaria a propagação do vírus.

“O governo estadual já estuda a flexibilização do comércio a partir do dia 20 de abril. É uma sugestão para colaborar com esse processo. O fluxo de pessoas normalmente é inferior, ainda mais com as medidas a serem adotadas, e o impacto financeiro da quarentena em cidades que ainda não contam com casos de Covid-19 tem sido gigantesco, impactando seriamente a vida da população”, avalia.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.