Criado por Marconi, Cheque Mais Moradia será implantado por Temer em todo o Brasil

Batizado de Cartão Reforma, programa será lançado pelo presidente da República dia 9, com presença de todos os governos estaduais

Criado pelo governador Marconi Perillo em 2000, o programa Cheque Mais Moradia já foi adotado em diversos Estados — entre eles em São Paulo pelo governador Geraldo Alckmin — e agora será implantado em todo o País pela gestão do presidente Michel Temer.

Batizado de Cartão Reforma, programa será lançado na próxima quarta-feira, dia 9, por Temer e pelo ministro das Cidades, Bruno Araújo, com a presença de Marconi e de todos os chefes de Executivo estadual do Brasil.

Em suas redes sociais, Temer detalhou o programa Cartão Reforma, denominação escolhida pelo governo federal para a ação, formulada a partir do Cheque Mais Moradia. Famílias com renda de até três salários mínimos poderão receber um subsídio de até R$ 5 mil para a compra de material de construção e reforma de suas residências. Também pelas redes sociais, Alckmin destacou o Cheque Moradia Paulista na redução do déficit habitacional no Estado.

O programa é baseado na experiência do Governo de Goiás com Cheque Mais Moradia (modalidade Reforma), lançado em 2003 pelo governador Marconi Perillo e que já beneficiou, desde sua criação, mais de 88 mil famílias no Estado, com um investimento de R$ 185,7 milhões dos cofres públicos. Em visita a Goiânia em junho deste ano, o ministro admitiu que levaria a “experiência de Goiás para o governo federal”.

O Cartão Reforma visa movimentar um dos setores que mais geram emprego e renda no Brasil: a construção civil. A estimativa é de que sejam direcionados R$ 500 milhões para o programa. O governo federal vai firmar convênios com Estados e municípios, que vão escolher os bairros mais adensados, onde farão um levantamento preliminar sobre quais habitações necessitam do atendimento.

1
Deixe um comentário

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors
marivania goudinho

so no estado do para eu moro no rio grande do sul ai temer sai ou nao sai