CPI dos incentivos convoca executivos da JBS para oitiva

Parlamentares argumentam que Marcelo Zanata e Fabio Augusto têm conhecimento profundo da empresa e isso não exclui a possibilidade de Wesley Batista depor

A CPI dos incentivos fiscais da Assembleia Legislativa do Estado de Goiás abriu requerimento para oitiva de dois executivos da JBS, Marcelo Zanata e Fabio Augusto, que é diretor jurídico, na próxima sessão ordinária, marcada para o dia 18 de novembro. A solicitação foi feita pelo deputado estadual Talles Barreto (PSDB).

O argumento do parlamentar é que se tratam de dois executivos com conhecimento profundo da empresa. “Não há impeditivo de convocar ao mesmo tempo o diretor da empresa Wesley Batista Filho”, disse.

Vinícius Cirqueira (Pros), por outro lado, pondera que a Casa espere que seja julgado o pedido de cassação de liminar impetrada por Wesley Batista Filho, que pode abrir precedente de não participação.

“Não estamos abrindo mão de ouvir Wesley. Ele já está convocado”, rebateu o deputado Humberto Aidar (MDB). O emedebista diz ainda que seria um complemento à oitiva dos executivos.

O empresário Wesley Batista Filho, presidente do grupo JBS, faltou à sua oitiva, marcada para o dia 14 de outubro, após conseguir uma liminar na Justiça. A Casa recorreu e aguarda a decisão.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.