Começam mudanças na Rádio Brasil Central

RBC terá novos programas jornalísticos, mais entradas ao vivo, interação com ouvintes e notícias em tempo real

Depois da nova TBC, a nova RBC começa a ter sua produção jornalística completamente reformulada, com o objetivo de aumentar a interatividade com o ouvinte e a integração com as demais mídias. Com o aval do governador Marconi Perillo, o presidente das novas RBC e TBC, João Bosco Bittencourt, está criando, com suas equipes, novos programas jornalísticos, ampliando as entradas ao vivo e aprofundando a participação do ouvinte.

O “Mundo em Sua Casa”, jornalístico que vai ao ar às 7 horas da manhã, passa a ter entradas ao vivo de Brasília e de Goiânia, com reportagens ao vivo nos bairros da capital para apresentar a notícia na hora em que ela acontece. Vai também ser retransmitido por uma rede de 100 rádios no interior e contará com correspondentes em 50 municípios, no mínimo.

Com a RBC presente nas ruas da cidade, a diretriz é ampliar a participação do jornalismo comunitário e com isso a participação dos ouvintes. “A pegada é a mesma da nova TBC: mais vivo, mais pé na rua, mais jornalismo factual”, afirma João Bosco.

Além do “Mundo em Sua Casa”, mais dois programas jornalísticos vão completar a grande, um ao meio-dia e outro no final do tarde, com as principais notícias do dia e a cobertura factual, em tempo real. Nos três programas e durante a grade do dia, o jornalismo de serviços terá grande destaque, com ênfase nas informações sobre as condições do trânsito e a previsão do tempo.

Equipe

A notícia vai ganhar o suporte de um time de comentaristas nacionais, nas diferentes áreas de cobertura – esportes, política, economia, tecnologia e comportamento, entre outras. “Além do reforço grande do factual, vamos trabalhar a análise e a contextualização da notícia com esse time de comentaristas. Isso vai tornar a RBC mais plural, mais informal e mais interativa”, diz o presidente das novas TBC e RBC.

Por determinação do governador Marconi Perillo, interatividade, prioridade para a notícia, prestação de serviços e participação popular passam a ser a marca da programação e do jornalismo dos veículos da Novas Televisão Brasil Central (TBC) e Rádio Brasil Central (RBC) sob o comando do jornalista João Bosco Bittencourt. O presidente da agência apresentou nesta terça-feira à equipe a proposta de gestão, a Nova ABC.

As novas grades para a Televisão Brasil Central (TBC) e a Rádio Brasil Central (RBC) têm foco em novos produtos, com a produção de três novos jornalísticos nos veículos – um programa de notícias matutino, outro nos moldes do Cidade Alerta para o fim da tarde e um telejornal interativo e debates à noite. Boletins de notícias a cada hora também irão ao ar. As mudanças têm o integral respaldo do governador Marconi Perillo e do vice-governador José Eliton, que aprovaram a nova proposta de gestão.

A descontração, a participação e a interatividade serão as marcas do relacionamento entre o time de jornalistas das novas TBC e RBC com a audiência, diz João Bosco. Apresentação em pé, fim das bancadas e cenários estáticos, intensa participação dos telespectadores, ouvintes e internautas – durante e na definição da pauta da programação – darão o tom do novo jornalismo. A apresentação da notícia terá o suporte de inovações tecnológicas, como cenários virtuais, além de mais transmissões ao vivo. O jornalismo comunitário também ganhará vez e voz. “Vamos aproximar a TBC e a RBC da sociedade”, definiu João Bosco.

Uma resposta para “Começam mudanças na Rádio Brasil Central”

  1. Ricardo Rocha disse:

    Que bom, com as péssimas mudanças na programação da 730 gostaria de ouvir a RBC AM, más aqui em Inhumas ela não pega. Só é sintonizada em rádios como motorbraz e em alguns pontos. No geral não é sintonizada. Tenho um rádio semp tochiba a pilia e onde trabalho não pega. Uma BOSTA o sinal!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.