Com protocolos de segurança, Tocantins retoma aulas presenciais em escolas e universidades

Mesmo com protocolos de biossegurança, universidades retomam aos poucos as aulas presenciais. Na rede estadual, os alunos voltaram às salas de aula

Alunos da rede estadual de ensino do Tocantins retornaram às aulas presencias depois de reformulação do Calendário Escolar que previa o retorno no dia 1º de fevereiro. A mudança atendeu à solicitação dos gestores municipais.

Os prefeitos apontaram as péssimas condições das estradas vicinais, danificadas em função das fortes chuvas que provocaram enchentes e deixaram centenas de famílias desabrigadas e ainda o aumento dos casos da Covid-19 e da Influenza H3N2 no Tocantins, como motivos mais do que razoáveis para se protelar o retorno.

No retorno ao presencial os estabelecimentos de ensino de qualquer natureza, públicos e privados ficam obrigados a cumprir os protocolos de segurança em saúde, conforme portaria conjunta nº 01/2022 que dispõe sobre o Protocolo Estadual de Segurança para o retorno das atividades educacionais em instituições de ensino no Tocantins.

Pouco a pouco 

As universidades estão voltando ao presencial de forma gradual. A Universidade Estadual do Tocantins (Unitins), retomou na segunda-feira, 14. Já a Universidade Federal do Tocantins (UFT) define a data de 07 de março para o retorno presencial. A UFT, é maior universidade do Estado. Para possibilitar a retomada, a instituição criou o Protocolo de Biossegurança com medidas sanitárias que serão observadas em todos os ambientes, respeitando também as normas de cada município do Estado.

As outras instituições de ensino superior do Estado estão voltando de forma escalonada, começando com poucos cursos até alcançar todo o alunado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.